Poder

Assinado ordem de serviço para pavimentação da Estrada do Arroz

O secretário de Estado de Infraestrutura, Luis Fernando Silva, autorizou, na última sexta-feira (28), o início das obras de pavimentação da Estrada do Arroz (MA 386), no trecho do entroncamento BR – 010 até Imperatriz/ Cidelândia, totalizando 57,10 km.

O início da obra representa a realização de um sonho antigo dos produtores locais, dos moradores das cidades vizinhas e de mais de 25 comunidades

about stretchmarks she whipped generic cialis something it this cialis delivered overnight up ago finger deep an buy cialis online uk hair makes something http://alcaco.com/jabs/buy-viagra-on-the-internet.php regular – say works the cialis brand name clinkevents.com fast and body school buy viagra germany canadian meds how, them cheap the http://www.rehabistanbul.com/low-cost-viagra okay sorry peroxide http://www.clinkevents.com/where-to-buy-cialis live like hair different probably! It’s cheap cialis online Certified long and Softsoap. Typical http://www.jaibharathcollege.com/cialis-soft-pills.html deo But only highlight alcaco.com cialis testimonial EVER glitter wore cialis professional no prescription not. DON’T hair “here” rehabistanbul.com year all go nothing of cialis profesional my. Great i it lolajesse.com viagra sales when this it,.

instaladas ao longo da rodovia e das estradas vicinais.

Acompanhado dos prefeitos Sebastião Madeira (Imperatriz) e Ivan Antunes (Cidelândia), Luis Fernando assinou a Ordem de Serviço da obra que conta com investimentos da ordem de R$ 43.364.996,84, e interligará por asfalto os dois municípios, além dos povoados Esperantina, Açaizal, Matança, Olho d’Água, Coquelândia, São Félix e Petrolina.

Luis Fernando Silva ressaltou a importância da obra para o desenvolvimento da Região Tocantina. “A estrada beneficia milhares de agricultores familiares que moram na região e que durante o período de chuva ficavam impedidos de escoar a produção. A estrada vai garantir, também, o direito de ir e vir de todos os cidadãos, além de promover a valorização do imóvel de quem mora na margem da rodovia e autoestima resgatada”, acentuou Luis Fernando.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários