Poder

MP vai ao STF contra acesso de empresário à investigação sobre desdobramentos do caso Décio

Blog do Marco Deça

O Ministério Público do Maranhão recorreu ao Supremo Tribunal Federal contra a decisão do Tribunal de Justiça do estado, que autorizou o acesso de um mega-empresário maranhense às investigações do órgão resultantes dos desdobramentos da morte do jornalista Décio Sá.

O MP maranhense começou a investigar outras vertentes do assassinato do jornalista quando surgiu a informação de que um membro do próprio MP também seria alvo de assassinato.

E incluiu nas investigações o mega-empresário, baseado nas informações de uma carta assinada pelo agenciador Júnior Bolinha, publicada neste blog e confirmada pelo próprio Bolinha em entrevista ao Jornal Pequeno.

A decisão de investigar o caso foi tomada pela procuradora-geral de Justiça, Regina Rocha, em atitude reconhecida, inclusive, neste blog.

Mas a investigação corria em sigilo para proteção do próprio MP, até que o empresário decidiu ter acesso e ganhou autorização do TJ-MA.

Agora, o Ministério Público recorreu ao Supremo Tribunal Federal, para manter o sigilo das investigações.

Mas é voz corrente na instituição que esta trama será tirada a limpo…


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários