Poder

Prisão de sargento da PM causa desconforto entre as Polícias Civil e Militar

 

IMIRANTE

 

 O comandante da Polícia Militar do Maranhão, coronel Aldimar Zanoni Porto,

O comandante da Polícia Militar do Maranhão, coronel Aldimar Zanoni Porto,

O comandante da Polícia Militar do Maranhão, coronel Aldimar Zanoni Porto, falou sobre a prisão do sargento da PM, conhecido como Leite, feita pelo delegado Danilo Veras, titular do 16º Distrito Policial, da Vila Embratel. O coronel Zanoni lamentou o episódio e classificou como inusitado.

– A Polícia Militar está 24 horas a serviço da população. Lamentei e não entendi a postura do delegado em prender o sargento no exercício da profissão. Ele apresentava dois menores infratores na delegacia. Em vez do delegado cumprir o auto de infração cometido pelos adolescentes, acabou o militar sendo surpreendido pelo delegado e autuado em flagrante por porte ilegal de arma. Estou esperando a decisão judicial para o relaxamento do flagrante. A Polícia Militar vai apurar para saber a quem pertence a arma. E se houve abuso por parte do delegado vamos representá-lo – assegurou Zanoni.

A Cúpula da Secretaria de Segurança Pública do Maranhão se reuniu na manhã desta sexta-feira (27), no Palácio dos Leões. Na pauta vários assuntos ligados à questão da segurança no Estado, especialmente, a crise no sistema carcerário.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Um comentário em “Prisão de sargento da PM causa desconforto entre as Polícias Civil e Militar”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. CARLOS FILHO

    QUER DIZER QUE MILITAR PICARETA PODE AGIR FORA DA
    LEI E AINDA TER O APOIO DO COMANDANTE GERAL? ERA SÓ O QUE FALTAVA!
    ESSE SARGENTECO DEVERIA MESMO ERA DAR UM TABEFES NESSE BANDIDO E SOLTA-LO PARA O PESSOAL FAZER A FESTA. TAI SGT ABESTADO,AINDA VAI SERVIR DE GALHOFA DA TROPA,PIOR AUTUADO POR UM DELEGADO VEDETAO……..TA DE BRINCADEIRA ESSE PSEUDO SISTEMA DE SEGURANÇA!!! ISSO MOSTRA MUITA DISSONÂNCIA ENTRE PM E POLÍCIA CIVIL.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários