Poder

Comandante da PM ligado a Vieira quer fechar o blog do Luis Cardoso

Blog do Luis Cardoso

Jornalista Luis Cardoso.

Jornalista Luis Cardoso.

Partiu do comandante da Polícia Militares do Maranhão, coronel Franklin Pacheco, ligado ao Coronel Vieira chefe do Gabinete Militar, a ordem para que todos os chefes de destacamentos militares no Estado e alguns oficiais de São Luís que exercem cargos de comando entrassem com ações na Justiça contra o blog do Luis Cardoso, com processos criminais e indenizatórios. Muitos não toparam abraçar o projeto pessoal do comandante.

São 15 ações criminosas que representam a mais absoluta e nefasta iniciativa contra a liberdade de expressão, contra o direito do povo de saber o que se trama na caserna sob as ordem do tal coronel. A intenção do militar é clara em querer fechar o blog do Luis Cardoso. Por onde passa o titular do blog tem recebido solidariedade, inclusive de soldados, cabos, sargentos, tenentes e oficiais. Uma prova clara de que Pacheco é rejeitado pela corporação.

São ações que obrigam o titular do blog a comparecer em diversos municípios e comarcas das mais distantes do Maranhão. O blogueiro já esteve em um audiência não realizada em Pedreiras e começa a partir da próxima semana a percorrer as comarcas de Balsas, Açailândia, Pinheiro e de outras cidade. E olha que nos processos criminais não foi respeitado o direito do réu de comparecer na comarca de sua sede. E até mesmo duas audiências foram marcadas para o mesmo dia, mesma hora, em cidades diferentes. Quanto absurdo!

Mas o que existe por detrás da ação cruel e injusta do comandante da PM do Maranhão e seus comandados oficiais militares? Uma denúncia aqui veiculada de que existem desvios de recursos em alguns segmentos da PM na manutenção e consertos de viatura.

Em nenhum momento o coronel Franklin Pacheco e seus féis oficiais acionaram o blog na Justiça por causa do conteúdo da denúncia, que é verdadeiro e as provas serão aqui exibidas, mas ao simples fato de um oficial igual a eles comentar e citar nomes de uns seis que participaram do desvio.

Nenhum deles, é bom que se repita, entrou com a ação contra o colega de farda que sabe muito dos ilícitos que ocorrem na PM. São 11 oficiais militares escondidos em 14 ações. Só de indenização, se a injustiça for acatada, o titular do blog terá que pagar R$ 352.560,00.

Como existe a Justiça Divina e a Justiça do Homens que executam as leis, ficará comprovada a tentativa à liberdade de expressão e o cerceamento a um profissional da imprensa. Como Pacheco vive maquinando contra a imprensa livre do Maranhão, talvez não tenha tempo de acompanhar no noticiário nacional as ações que estão sendo derrubadas contra jornalistas no Supremo Tribunal Federal.

Mais recentemente, no dia 24 de julho passado, o ministro do STF Ricardo Lewandowski defendeu a liberdade de imprensa quando deferiu a decisão concedida pelo Ministro Celso Magalhães em favor do banqueiro Daniel Valente Dantas contra o jornalista Paulo Henrique Amorim, condenado a pagar indenização por dano moral de R$ 250.00,00. O ministro do Supremo julgou improcedente a ação defendendo que o jornalista cumpriu a função de informar e comunicar, e que nenhum meio de comunicação deve ser sancionado por difundir a verdade.

Luis Cardoso, titular do blog agora cumpre com agenda de audiências programadas até novembro deste ano. Veja abaixo a lista.

10/06/2013

Washington Luis Gaspar Matos – Oficial da PM

Indenização: 27.200,00

Local: São Luís

22/06/2013

José Ribamar Lisboa de Sá – Tenente Coronel PM

Indenização: 27.120,00

Local: São Luís

02/07/2013

Edilson Moraes Gomes – CEL. PMMA, atualmente Subcomandante geral da PM

Indenização: 27.120,00

Local: São Luís

09/07/2013

José Mariano Almeida Neto – CEL PM

Indenização: 27.120,00

Local: São Luís

16/07/2013

José Maria Honório Carvalho Filho – Major da PM

Indenização: multa diária de R$ 1.000,00, caso não tenha suspensão imediata da divulgação.

Local: Pedreiras

24/07/2013

Jose Maria Honório Carvalho Filho,Major da PM

Indenização: multa diária de R$ 1.000,00, caso não tenha suspensão imediata da divulgação. Da se a causa R$27.120,00

Local: Pedreiras

06/08/2013

Juarez Medeiros Sobrinho, MILITAR da PMMA

Local: Timon

Indenização: R$27.120,00

08/08/2013

Raimundo das Mercês Ramos – Tenente Coronel, atualmente, Comandante do 10º BPM.

Local: Pinheiro MA

13/08/2013

José Maria Honório Carvalho Filho – PMMA

Local: Pedreiras MA

14/08/2013 as 16h30

Harlan do Nascimento – Militar da PMMA

Indenização: 27.120,00

Local: Presidente Dutra

25/09/2013

Eurico Alves Silva Filho – Major da PMMA

Indenização: R$ 27.120,00

Local: Açailândia

03/10/2013

Franklin Pacheco Silva – Comandante Geral da Policia militar –Ma

Indenização: R$ 27.120,00

Local: São Jose de Ribamar

06/11/2013

Antonio Marcus Da Silva Lima – PMMA

Indenização: R$27.120,00

Local: Barra do Corda


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

3 comentários em “Comandante da PM ligado a Vieira quer fechar o blog do Luis Cardoso”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. Fernando

    O Vieira ficou vago, quem é ele? E qual a participação dele nessas ações contra Luís Cardoso?

  2. Robert

    Esse Vieira citado no título é o Coronel Vieira chefe do Gabinete Militar do Governador(a)?

  3. gato felix

    É… o garapé tá cheio de cabeça de jacaré.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários