Poder

Taxa cobrada pela Prefeitura de São Luís gera polêmica na Av. Litorânea

Vendedores da área do parquinho pedem parcelamento de taxa anual.

Uma taxa cobrada pela Prefeitura de São Luís causou polêmica no fim de semana na Avenida Litorânea. Os vendedores ambulantes e comerciantes que ocupam o parquinho da Lagoa da Jansen estão pedem o parcelamento da taxa anual de R$ 500,00 determinada pela Secretaria Municipal de Urbanismo e Habitação de São Luís.

Segundo os vendedores ambulantes, ontem (7) viaturas da Blitz Urbana estiveram na Avenida Litorânea e impediram que a área do parquinho fosse usada por quem não pagou a taxa. A Prefeitura de São Luís deve se manifestar nesta segunda-feira (8) sobre a reclamação dos comerciantes do parquinho da Avenida Litorânea. (G1MA)


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

3 comentários em “Taxa cobrada pela Prefeitura de São Luís gera polêmica na Av. Litorânea”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. jOÃO

    TEM POLEMICA NENHUMA NÃO FILINHO!

    É C-O-N-S-T-I-T-U-C-I-O-N-A-L-M-E-N-T-E LEGAL, E OBRIGATÓRIA!

    ESSAS ÁREAS PÚBLICAS LITORANEAS E DE PRAÇAS SÃO DE PROPRIEDADE DO MUNICÍPIO, PARA O USO DE TODOS COM FINS RECREATIVOS,

    SE ALGUEM QUER EXPLORA-LO PARA OUTROS FINS, SE HOUVER AUTORIZAÇÃO LEGA, SERÁ PAGA UMA TAXA, DE PERCENTUAL DETERMINADO POR LEI DE INICIATIVA DO MUNICÍPIO OBSERVADA A JURISPRUDENCIA APLICADA A MATERIA!

  2. Rojão

    Pior ainda, tem pessoas que pagam tudo certinho e são impedidas de exercer suas atividades porque outras que não pagam tomam conta dos locais sem um mínimo de preocupação e responsabilidade com as normas vigentes.

  3. Fernanda

    Eu achava que as áreas públicas litorâneas eram pertencentes
    á UNIÃO e que o papel do ESTADO E DO MUNICÍPIO fosse somente manté-las. Mas o Sr. “joão” falou, quem sou eu pra discutir. Uma simples cidadá que paga seus impostos.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários