Poder

Flávio Dino lamenta violência da PM do clã Sarney contra manifestantes

Ausência de Roseana também é questionada pelo comunista.

O presidente da Embratur, Flávio Dino, em comentário no Twitter na noite desta segunda-feira (24), lamentou a violência usada pela Polícia Militar contra as milhares de pesssoas que participaram do protesto coordenado pelo movimento Acorda Maranhão.

“Lamentável violência contra manifestantes em São Luîs”, diz o texto.

O comunista criticou duramente os relatos de prisão arbitrária e a agressão sofrida pelos manifestantes durante passagem do movimento pela Assembleia Legislativa e retorno da Cohama.

Além de lamentar a forma de agir da Polícia que é controlada pelo secretário de Segurança Pública, Aluísio Mendes, Dino questionou a ausência da governadora Roseana Sarney que há dias está fora do estado com suposto receio do manifesto.

No primeiro dia de protesto, a marcha pacífica que avançou pelas ruas da cidade, foi marcado por discussões entre manifestantes e representantes de grupos partidários.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

2 comentários em “Flávio Dino lamenta violência da PM do clã Sarney contra manifestantes”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. Naldir

    Quem é vc pra falar de ausência, um falso moralista e prepotente.

  2. Paulo

    um sujo falando do mal lavado, esse fdp aproveita pra querer se mostrar.
    E vc o q faz pelo maranhão.
    Idiota

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários