Poder

Seguranças da empresa CEFOR fazem manifesto em frente a Vale por falta de pagamento

Seguranças da empresa CEFOR fazem manifesto na manhã desta quarta-feira (29), em frente a Vale pedindo explicações por não repassarem as verbas para a empresa CEFOR, onde o contrato venceu em fevereiro deste ano.

A empresa CEFOR que era contrada pela Vale do Rio Doce do Maranhão para fazer a segurança do local, até o momento não foi repassado as verbas dos mesmos.

Segundo um segurança da CEFOR diz que o contrato foi encerrado desde fevereiro deste ano, e até o momento a empresa ainda não fez o pagamento dos mesmo, por motivo de que a Vale ainda não repassou a verba para a empresa.

Por conta disso, mais de 200 seguranças que prestavam serviço para a Vale através da CEFOR estão na portaria principal da Vale para pedir explicações destes pagamentos se foram ou não pagos a empresa CEFOR.

Os contratados ainda aguardam todos os seus beneficios, no que nada até o momento foi pago. E pelo visto a empresa que contratou os funcionários não quer pagar e vai empurrando com a barriga até onde pode.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

4 comentários em “Seguranças da empresa CEFOR fazem manifesto em frente a Vale por falta de pagamento”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. Armando Pinto

    Estão reclamando no lugar errado, porque não se dirigiram ao Ministério do Trabalho? A primeira a ser chamada será a Cefor, a coobrigada, Vale, depois. Vigilante não tem que se envolver em questões contratuais entre contratante e contratada.

  2. Carlos Viuva

    Esta Cefor é mesma que tinha contrato milionário com Prefeitura de Castelo e arranjou ainda o contrato do banco do Brasil politicamente.

  3. Yang girls

    http://feeder.kharkov.ua|Porno Yang girls

  4. ROSE

    estar uma verdadeira palhaçada , essa CEFOR, até os funcionários da própria Secretaria de segurança publica do MA, estão sem receber desde de março deste ano.
    E as autoridades acham que estar tudo normal.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários