Poder

Roseana Sarney quer ampliar a dívida para R$ 6 bilhões

Em defesa do patrimônio da população, a liderança da oposição requer que o governo do Estado seja transparente com as contas públicas.

O projeto de lei que aprova uma nova dívida para o Estado no valor de R$ 1,5 bilhão foi enviado pela governadora Roseana Sarney (PMDB) à Assembleia Legislativa na segunda-feira, dia 25.

A oposição discordou do projeto já que, até hoje, o Estado não publicou o destino dos empréstimos anteriores que juntos chegam a mais de R$ 1,7 bilhão.

Em defesa do patrimônio da população, a liderança da oposição requer que o governo do Estado seja transparente com as contas públicas. “Como vamos aprovar e fiscalizar um projeto de lei sem saber informações básicas como taxas de juros, instituições credoras e o destino do dinheiro?” questiona na tribuna o líder da oposição Rubens Pereira Júnior.

Segundo o deputado, o governo estadual se encaixa no formato padrão de
imposição da coisa pública quando não leva a questão dos empréstimos para o debate entre a sociedade civil. “Como é possível aprovar uma nova dívida no mesmo dia que tomamos conhecimento dela? Se nós deputados não tivemos tempo para discutir, imagine a população, essa mesmo não ficaria sabendo”, contesta Rubens Jr.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários