Poder

Controladoria-geral realizará auditoria no Socorrão I

Contratos vigentes vão ser analisados pela CGM, dívida do hospital chega a quase R$ 7 milhões.

A Controladoria-geral do município deu inicio a auditoria no Hospital Municipal Djalma Marques. A pedido do diretor geral do Socorrão I, Dr. Yglésio Moyses, a CGM atendeu a solicitação e designou Barbara Quirino e Liliane Ribeiro para realizarem o procedimento de auditoria. A direção do hospital aponta um prejuízo aos cofres públicos equivalente a quase R$ 7 milhões.

Barbara Quirino e Liliane Ribeiro auditoras da CGM com o diretor geral do Socorrão I Yglésio Moyses e o procurador Duarte Jr. (foto: Ascom/Socorrão).

Barbara Quirino e Liliane Ribeiro auditoras da CGM com o diretor geral do Socorrão I Yglésio Moyses e o procurador Duarte Jr. (foto: Ascom/Socorrão).

Segundo a auditora, Barbara Quirino que esteve no HMDM afirmou que o objetivo da visita foi “aprofundar alguns aspectos e consolidar o inicio dos trabalhos”.

Ainda de acordo com a auditora, que ficou responsável pela análise do material sob determinação do controlador geral Délcio Neto, apenas quando o trabalho estiver finalizado todos os detalhes poderão ser divulgados.

“Este é apenas o inicio da nossa auditoria. Vamos acompanhar todo o processo”, disse Yglésio Moyses.

De acordo com o procurador autárquico, Duarte Júnior, o Socorrão acumula um prejuízo de R$6.575.991,38.

Os primeiros resultados devem sair logo nesta primeira semana de fevereiro, mas somente a conclusão da auditoria que todas as medidas cabíveis serão tomadas.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários