Poder

Preso ex-funcionário acusado de furtar dinheiro da Fribal

Uma ação integrada, realizada pela Superintendência Estadual de Investigações Criminais (SEIC) e a Polícia Federal do Espírito Santo, resultou na prisão, na manhã desta sexta-feira, (14), de Fábio Jabor Bianquini, de 39 anos. Ele é suspeito de furtar o dinheiro das vendas de gados para a Fribal.

De acordo com as investigações, Fábio Jabor Bianquini era responsável pela compra da carne, negociando com pecuaristas do interior do Maranhão. Entretanto, ao informar para a Fibral a conta para o pagamento, ele repassava não a da empresa, mas a sua conta pessoal e acabava ficando com o dinheiro.

A fraude foi descoberta, após vários pecuaristas procurarem a empresa cobrando o pagamento. Quando descobriu que estava sendo investigado, Fábio Jabor Bianquini fugiu para o Espirito Santo.

De acordo com o delegado de Polícia Civil, da Seic, Luís Jorge, a empresa Fribal identificou a ação criminosa do funcionário em setembro deste ano, e comunicou à polícia. Desde então, vem investigando a localização do suspeito.
Após troca de informações com a Polícia Federal do Espirito Santo, foi possível localizar Fábio Jabor Bianquini, que estava mantendo residência fixa no Bairro Jardim da Penha (ES).

Ele foi preso e encaminhado para o departamento de polícia da região, onde ficará aguardando seu recambiamento para cidade de São Luís.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários