Poder

Flávio Dino diz que MP é uma ameaça aos direitos dos cidadãos

Alheio à imprensa, Dino tem por costume usar a rede social quando quer criticar alguém ou fazer algum 'alvoroço' no meio político

Do Atual7

O presidente da Instituto Brasileiro de Turismo (Embratur), Flávio Dino (PCdoB), usou a rede social de microblog Twitter, nesta quarta-feira (26), para dizer que vai representar contra o promotor de Justiça do Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MP/DFT), Diaulas Costa Ribeiro, no Conselho Nacional do Ministério Público, por não dar prioridade a uma ação de seu interesse.

Presidente da Embratur quer que promotor dê prioridade a ação movida contra médica e técnica em enfermagem. Foto: Paulo Mondego/R7

Presidente da Embratur quer que promotor dê prioridade a ação movida contra médica e técnica em enfermagem. Foto: Paulo Mondego/R7

O promotor investiga a morte do filho do presidente da Embratur, Marcelo Dino Fonseca de Castro e Costa, há mais de 10 meses.

Em fevereiro deste ano, Marcelo Dino deu entrada no Hospital Santa Lúcia, em Brasília, após uma crise asmática. Ele foi medicado e depois apresentou uma piora no estado de saúde. Um dia depois, Marcelo teve uma parada cardíaca e não resistiu. Flávio acusa a uma médica e uma técnica em enfermagem do hospital de negligência pela morte de Marcelo, na época com 13 anos.

Alheio à imprensa, o presidente da Embratur, que tem por costume usar a rede social quando quer criticar alguém ou fazer algum ‘alvoroço’ no meio político, não ponderou em generalizar todo o Ministério Público diante da causa do filho, ao afirmar que a instituição é uma ameaça aos direitos dos cidadãos.

Flávio Dino disse ainda que errou ao defender a instituição enquanto deputado federal, e denunciou que os promotores do Ministério Público, além de não cumprirem prazos, investigam somente ‘quando querer e quem querem’, e que ‘fazem diligencias ‘de gaveta’ [aspas do próprio Flávio Dino] e secretas’.

No último dia 13, o Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJ/DFT) decidiu arquivar a ação criminal privada movida pelo presidente da Embratur contra a médica e a técnica em enfermagem do Hospital Santa Lúcia.

Movido por dor pessoal, presidente da Embratur fez duras críticas ao Ministério Público. Foto: Reprodução/Twitter

Movido por dor pessoal, presidente da Embratur fez duras críticas ao Ministério Público. Foto: Reprodução/Twitter


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Um comentário em “Flávio Dino diz que MP é uma ameaça aos direitos dos cidadãos”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. ALTO ALEGRE DO PINDARE

    Vc é inteligente, amanha talvez c seja governador ! mas será se vc vai cumprir todos os seus compromisso ? Dino nao deixe o poder subir a sua mente Lembre-se é isso q Rosegana (como diz Atemir aqui em Alto Alegre) quer !

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários