Poder

Campanha em São Luís entra na fase radical

O Estado do Maranhão

Candidatos.

Candidatos.

A campanha eleitoral em São Luís entrou definitivamente em sua fase mais crítica. Os candidatos aumentam o teor das críticas e denúncias contra os adversários, o que acirrou os ânimos entre eles. O palco dos ataques é a propaganda eleitoral gratuita, com forte repercussão em rádios, jornais e Internet.

O debate acirrado envolve os três principais candidatos – João Castelo (PSDB), Edivaldo Holanda Júnior (PTC) e Washington Luiz (PT) -, mas já teve a participação também do candidato Haroldo Saboia (PPS).

Até então passando ao largo das críticas, o candidato Edivaldo Holanda Júnior começou a enfrentar denúncias graves de todos os lados. No fim de semana, a coligação “Juntos por São Luís”, de Washington Luiz, denunciou o candidato por não ter apoiado a CPI do Carlinhos Cachoeira. Holanda foi à Justiça e conseguiu derrubar a vinheta, mas não por muito tempo. Na segunda-feira, dia 10, a coligação de Washington apresentou nova denúncia: Holanda Júnior votou por um salário mínimo menor, quando poderia escolher entre outras duas propostas maiores. Clique aqui e continue lendo.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Um comentário em “Campanha em São Luís entra na fase radical”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. otavio freitas

    Essa fase é bem normal e conhecida. E eu acho que tem mais é que acontecer isso mesmo. Só assim para as pessoas saberem bem em quem vão votar. Não consegui ler a matéria inteira por não ser assinante do jornal, mas posso dizer que Holandinha vem se vendendo como modernidade e cada vez mais essas denúncias estão mostrando o quão manjado ele pode ser. Espero que não seja só eu que está percebendo isso.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários