Poder

Castelo inaugura Comitê da Juventude

Um contundente e objetivo discurso do prefeito João Castelo (PSDB), feito nesta sexta-feira, 20, durante a inauguração do Comitê da Juventude de sua campanha, deu mostra de como o candidato à reeleição vai se posicionar diante seus adversários.

Ele disparou duras críticas a quem classificou de “inimigos do povo e marginais da política”, referindo-se ao grupo político que detém o controle do Governo do Estado. Disse, ainda, que só começou a  intensificar as obras fundamentais para a cidade e para a população na metade de sua administração, porque recebeu  “uma Prefeitura sucateada” e ameaçou provar o que diz, no momento que julgar certo. João Castelo falou para centenas de populares reunidos na Avenida Beira-Mar (Centro) em frente ao Comitê da Juventude da coligação “Pra fazer muito mais” (PSDB-PMN-PRP), ao lado do candidato a vice-prefeito, deputado estadual Neto Evangelista, dos deputados federais tucanos Carlos Brandão, Telma Pinheiro e Pinto Itamaraty, da deputada estadual Gardênia Castelo, de candidatos a vereador, do coordenador do Comitê, Victor Fontenelle e representantes dos partidos coligados.

“Oposição é Castelo” – Sob aplausos de populares, principalmente jovens estudantes e trabalhadores, o candidato a reeleição afirmou que a coerência e dignidade  lhe asseguram a condição de verdadeira oposição ao grupo político liderado pelo senador José Sarney (PMDB-AP) a quem responsabilizou pela série de empecilhos impostos para impedir a normalidade de sua administração. Citou o exemplo da construção do Hospital de Urgência, cuja obra foi iniciada só após uma prolongada jornada judicial “provocada por defensores dos interesses da oligarquia”. Repetindo que “oposição é Castelo, o candidato pediu aos populares mais  quatro anos de mandato, período em que “ao lado de vocês, do povo, daremos um basta ao domínio deste grupo político que só traz atraso para nossa cidade e para o nosso Estado.” Disse, também, que grupo político a que se referiu, age à margem da política séria e responsável. “São marginais da política”, sentenciou.

Juventude e Experiência – O candidato a vice-prefeito, Neto Evangelista foi mais uma vez enfático na afirmativa de que Castelo é o melhor candidato para governar São Luís, “porque provou , da mesma forma que fez quando governador do Estado, que está em sintonia com os interesses do povo.” Com relação à juventude, Neto Evangelista, elencou realizações da Prefeitura nas áreas de educação, esporte e cultura. Citou a reforma de mais de 250 escolas, a reconstrução do Parque do Bom Menino (praça de esporte e lazer) e a construção do Teatro Cidade de São Luís, onde funcionou o cinema Roxy.

Neto Evangelista explicou que apesar de sua idade (24 anos) já acumulou experiência que lhe asseguram contribuir significativamente com o pretendente ao retorno ao Palácio de La Ravardière. “Não serei apenas um substituto eventual do prefeito.”, garantiu.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários