Poder

Arma que matou Décio Sá é encontrada nas dunas da Litorânea

Arma foi encontrada na tarde desta quinta-feira (5).

Arma foi encontrada por peritos em duna da Avenida Litorânea (Foto: Biné Morais/O Estado)

Arma foi encontrada por peritos em duna da Avenida Litorânea (Foto: Biné Morais/O Estado)

A polícia encontrou, nesta quinta-feira (5), uma pistola calibre .40, do mesmo modelo utilizado pelo paraense Jhonathan de Sousa Silva para executar o jornalista Décio Sá, em um bar na Avenida Litorânea, em São Luís. A arma foi encontrada na duna, local por onde o assassino confesso Jhonathan de Sousa Silva teria fugido após cometer o crime, no dia 23 de abril.

Na manhã desta quinta-feira (5), Jhonathan de Sousa Silva disse à polícia ter enterrado a arma no local, diferentemente do depoimento anterior, quando afirmou ter jogado a arma na Baía de São Marcos, dois dias após o crime quando fugia para a Baixada Maranhense.

Para encontrá-la, os peritos do Instituto de Criminalística do Maranhão (Icrim-MA) seguiram instruções de Jhonathan, que mostrou o local preciso onde estava enterrada a arma. A equipe utilizou equipamentos de detecção de metal capazes de encontrar objetos metálicos que estejam escondidos ou enterrados a uma profundidade de pelo menos 20 centímetros, segundo os peritos.

De acordo com o mesmo perito, o próprio Jhonathan participou das buscas realizadas nesta quinta-feira, acompanhado dos delegados que apuram o inquérito e dos promotores do Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas (Gaeco).

Segundo informações da Secretaria de Segurança Pública (SSP), a arma estaria com sua numeração raspada. A arma agora deve ser submtida a testes em um microcomparador balístico, para atestar que ela foi realmente utilizada no crime. Ela deve ser apresentada nesta sexta-feira (6), pela manhã, na Secretaria de Segurança Pública. (Do G1 MA)


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários