Poder

Vice de Soliney Silva é citado no esquema de Carlinhos Cachoeira

Sérgio Ricardo Viana Bastos é sócio de uma das empresas de Cachoeira.

Sergio Guanabara vice prefeito de Coelho Neto

Sergio Guanabara vice prefeito de Coelho Neto

Suspeito de envolvimento no esquema do bicheiro Carlos Augusto de Almeida Ramos, o Carlinhos Cachoeira, o vice-prefeito do município de Coelho Neto, Sérgio Ricardo Viana Bastos, foi citado na Operação Monte Carlos, da Polícia Federa como sócio de uma empresa que opera no esquema ilícito.

De acordo com a PF, a sociedade da Rede Brasiltur de Televisão, empresa que também opera apesar de não ter conquistado outorga junto a Anatel, é composta pelo cunhado do bicheiro Cachoeira, o motorista do ex-diretor da Delta e Sérgio, além do vice de Soliney Silva.

A mesma empresa teve o apoio do senador enrolado Demóstenes Torres (sem partido- GO) e do governador de Goiás, Marconi Perillo, que tem participação em uma articulação política em  2007 no Congresso para acelerar a concessão de funcionamento da Rede Brasiltur de Televisão, empresa ligada ao grupo de Carlinhos Cachoeira.

A Rede Brasiltur de Televisão é citada no inquérito da Operação Monte Carlo como empresa constituída para dar suporte às atividades criminosas do contraventor  na área de comunicação. Segundo as investigações, Sérgio Ricardo Viana Bastos é considerado também laranja do bicheiro.

Sérgio Ricardo Viana Bastos, o Sérgio Guanabara, nasceu em Teresina, capital do Piauí, casado com Walterléia Miranda Ribeiro Bastos. Filho de Raimundo Guanabara Rezende Bastos, ex-prefeito de Coelho Neto, ex-vereador e ex-prefeito de Duque Bacelar, ele que tem sangue da política correndo nas veias, hoje é alvo de investigação da Polícia Federal e pode chegar a ser preso caso seja comprovado sua participação direta no esquema de Carlinhos Cachoeira.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários