Poder

Tiro acidental mata policial militar na cidade de Timon

O policial militar do Ronda Cidadão da zona Leste de Teresina, Carlos Alberto Lemos, de 32 anos, foi encontrado morto em um sítio na zona rural de Timon. De acordo com a polícia, o PM estaria manuseando um pistola .40 quando, acidentalmente, realizou o disparo contra a cabeça.

Carlos Alberto Lemos estaria na companhia de amigos durante a comemoração de uma festa de aniversário. Segundo o tenente Rafael Nepomuceno, da 5ª Companhia do Batalhão de Policiamento Comunitário, Carlo Alberto teria realizado um procedimento errado ao tentar travar a pistola.

“Quando ele chegou lá, foi guardar a arma. Ele tentou descarregá-la e travá-la, para deixá-la segura, mas fez um procedimento errado e a arma se manteve carregada. A pessoa que estava lá perguntou se a arma estava segura e o policial, para mostrar que estava, apontou para a contra a própria cabeça e acionou o gatilho”, afirmou o tenente.

(Com informações de portais de notícias de Teresina)


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários