Poder

Navio danificado no Maranhão seguirá viagem em até dez dias

Por Jean-Philip Struck – Folha de S. Paulo

A Capitania dos Portos do Maranhão afirmou que os reparos no navio Vale Beijing estão prontos e que a embarcação deve estar pronta para viajar a partir de 15 de fevereiro.

O supergraneleiro de 361 metros de cumprimento está parado próximo à costa de São Luís desde 3 de dezembro, quando um dos tanques de lastro rachou durante operação de carregamento de minério da Vale. O navio realizava sua primeira viagem.

Segundo o comandante da Capitania, Jair dos Santos Oliveira, inspeções recentes não constataram novas fissuras no navio. Os reparos já foram todos concluídos.

Nas últimas semanas, para equilibrar a embarcação, parte da carga de 260 mil toneladas de minério foi remanejada e todo o óleo combustível foi retirado.

Agora, a Capitania aguarda que mergulhadores contratados pelo proprietário do navio terminem de inspecionar o casco externo.

Segundo o comandante Oliveira, caso o parecer dos mergulhadores seja igual ao da Marinha, será dada autorização para o abastecimento do navio, que em seguida poderá seguir viagem. A previsão é que tudo esteja concluído nos próximos dez dias.

Segundo o comandante, o navio deve seguir para Omã, no Oriente Médio, onde a carga será retirada. A Marinha estuda a possibilidade de autorizar um rebocador a acompanhar o cargueiro durante a travessia do oceano Atlântico. Uma medida preventiva caso a embarcação volte a sofrer problemas.

Procurada, a STX Pan Ocean, proprietária do navio, não informou datas para a partida do Vale Beijing.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários