Poder

Polícia Civil registra 60 ações no fim de semana

Durante o terceiro fim de semana consecutivo, a Secretaria de Estado de Segurança Pública (SSP), por meio da Superintendência de Polícia Civil da Capital (SPCC), realizou o Programa Polícia Civil nas Ruas na Grande São Luís. Ao todo, o Plantão Especial de Polícia Judiciária de Repressão Qualificada à Poluição Sonora registrou 60 incursões em diversos bairros da capital, com três autuações em flagrantes e apreensões de veículos automotores com recolhimento da aparelhagem de som.

Além destes, a operação contou nesta fase, com o apoio da Polícia Militar e da Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT). Da junção dos esforços, só no domingo (22), na região da Península da Ponta d’Areia foram aplicadas mais de 100 infrações de trânsito pela SMTT e três veículos guinchados. A PM ainda utilizou testes do bafômetro com motoristas que apresentavam sintomas de embriaguez.

Segundo a Superintendência de Polícia Civil da Capital, um abaixo- assinado feito pelos moradores já denunciava os abusos sonoros e de desrespeito a Lei do Silêncio na área. Já as autuações deste fim de semana aconteceram no Bairro da Maiobinha, no Clube de Bumba meu Boi daquela localidade; no Anil, onde uma aparelhagem reggae foi apreendida e outra em um bar no Bairro da Vila Riod.

“Além do combate aos excessos referentes à poluição sonora, coibimos também os crimes que surgem com essa prática, como tráfico de drogas, consumo de bebidas alcoólicas por menores e exploração sexual infantil. E vamos intensificar, ainda, mais os trabalhos preventivos, para que estes crimes sejam impedidos antes de se tornarem problema de segurança pública”, comentou o delegado Sebastião Uchoa, superintendente de Polícia Civil da Capital.

De acordo com Uchoa uma ação preventiva, em parceria com as secretarias estaduais e municipais de educação, será planejada. Nos trabalhos, palestras serão desenvolvidas dentro das escolas sempre com assuntos relacionados à importância do cumprimento a Lei do Silêncio. “O intuito é reeducar a população sobre estes assuntos, para a partir disso, colocamos o Programa Polícia Civil nas Ruas para ser empregado em outras ações”, continuou o delegado.

As operações do Programa Polícia Civil nas Ruas continuarão nos próximos finais de semana. Todo o trabalho é feito por 10 equipes compostas por investigadores, dois delegados de Plantão, e peritos da Superintendência de Polícia Técnica-Científica (SPTC). As denúncias podem ser feitas pelos telefones da Delegacia de Costumes (3214 8652/3214 8653) e do Disque Denúncia (3223 5800) e, ainda, pelo 190 do Centro Integrado de Operações de Segurança (Ciops).


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários