Poder

Construtora Marquise atrasa pagamentos de funcionários em obra da Via Expressa

A Construtora Marquise, de Fortaleza (CE), é uma das empreiteiras responsáveis pela obra de construção da Via Expressa, em São Luís. Funcionários denunciam ao blog na manhã desta terça-feira, 31, o atraso salarial nos respectivos pagamentos de outubro, novembro e dezembro.

De acordo com eles, neste ritmo a obra que deverá ser entregue ainda no aniversário dos 400 anos da capital, corre o risco de não ser concluída a tempo.

O ultimo salário pago pela construtora foi há cerca de três meses atrás em setembro de 2011, ano passado. Desde então, os operários não tiveram mais seus rendimentos depositados e a empresa não deu explicações sobre o atraso.

Um funcionário que não quis se identificar diz não estar conseguindo arcar com suas responsabilidades. “Entrei 2012 com minhas contas em atraso. Estou devendo o supermercado próximo da minha casa. Eu preciso comprar leite para o meu filho”, desabafou.

Segundo o documento, os repasses são realizados de acordo com a medição dos serviços executados pela Construtora Marquise. Neste caso, a empreiteira tem a total responsabilidade sobre o pagamento dos salários aos trabalhadores e não a Secretaria da Infraestrutura.

A cearense Construtora Marquise executará dois terços das obras de construção da Via Expressa,  projeto rodoviário maranhense que foi investido cerca de R$ 100 milhões.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários