Poder

Propina: 1 milhão e meio de problemas para Stênio Rezende resolver

Blog do Marcelo Vieira

A semana foi tomada pela denúncia de suposta propinagem no valor de 1,5 milhão de reais envolvendo o deputado Stênio Rezende, líder do bloco do governo na Casa e empresários do setor da construção civil.

Os empresários em questão, de acordo com setores da imprensa local, seriam Barbosa da Dimensão Engenharia e Motinha da Mota Machado.

O dinheiro deveria ser distribuído para 30 deputados, 50 mil reais para cada, mas teria sido embolsado pelo deputado Stênio, responsável em negociar a aprovação do projeto que flexibiliza a derrubada das palmeiras de babaçu.

A denúncia caiu como uma bomba na Assembleia, e logo uma CPI foi pedida para investigar o caso, que conta com oito assinaturas mas promete ter 13 na segunda.

O governo reagiu e já teria sinalizado que quer Stênio fora da liderança do bloco na Casa.

No mesmo dia da denúncia, Stênio teria chorando diante dos colegas de parlamento durante reunião na presidência.

A situação dele é gravíssima, podendo até perder o mandato. E ao que parece tudo caminha para isso, apesar dos esforços de alguns amigos para impedir que isso aconteça.

Em contrapartida, a oposição se reúne na segunda para definir sua posição diante dos fatos e para piorar muitos deputados da base aliada conspiram contra Stênio, que nunca foi considerado um homem de confiança.

O deputado Stênio Rezende deverá ocupar o final de semana em articulações na tentativa de reverter o quadro. Mas ao que parece essa historia ainda tem muito o que render e pode ser que Stênio não resista as pressões.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários