Poder

Weverton Rocha diz que 'Lupi usou avião no Maranhão em 4 trechos'

Weverton Rocha deputado federal

Weverton Rocha deputado federal

O deputado federal Weverton Rocha (PDT-MA) afirmou ontem quinta-feira (17) que o ministro do Trabalho, Carlos Lupi, andou no avião de modelo King Air, em quatro trechos de viagem feita ao Maranhão em 2009.

Rocha acompanhou o ministro na agenda pelo estado, que combinou eventos do Ministério do Trabalho com compromissos de partido.

Segundo o deputado, Lupi embarcou pela primeira vez no turbo-hélice King Air em São Luís, a convite de Ezequiel Nascimento, ex-secretário de Políticas Públicas e Emprego

De acordo a revista “Veja”, o avião foi providenciado por um dirigente de ONGs que mantêm convênios com o ministério. O dirigente das ONGs, o empresário Adair Meira, disse que intermediou a cessão da aeronave, mas não pagou o aluguel.

Da capital maranhense, Lupi foi na aeronave para Imperatriz, segundo Weverton Rocha. De lá, relatou, pegou um carro para Açailândia, de onde embarcou no King Air novamente para Grajaú.

Em seguida, de acordo com o deputado, o ministro viajou, no mesmo avião, de volta para Imperatriz e, de lá, para Timon.

Quem pagou – Em entrevista, o empresário Adair Meira, citado em reportagem como o responsável pelo aluguel da aeronave, confirmou ter providenciado o avião, mas negou ter arcado com os custos. Ele é dirigente de ONGs que mantêm convênios com o Ministério do Trabalho. (Do G1)


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Sem comentários em “Weverton Rocha diz que 'Lupi usou avião no Maranhão em 4 trechos'”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. WENNDER ROBERT

    No caso acima é importante atentarmos que na época do referido convênio o Deputado Weverton Rocha não possuía vínculo Direto com o Ministério do Trabalho, A entidade FEDECMA foi contemplada com o convênio por as entidades na época locais não preencherem os requisitos básicos para a realização do mesmo, principalmente documental, o fato de hoje não se ter contato no endereço que consta na Receita Federal se deve com a finalização da parceria com o Estado do Maranhão que bancava o aluguel do correspondente local, no Cohafuma, fato que este local se tornou comitê político de aliados ao governo atual, O ato de ligar convênio antigo de mãe com autoridade atual mostra apenas interesse político ou publicitário por não podermos garantir as ações de hoje serem podadas por conquistas futuras incertas, A FEDECMA é proveniente das Escolas Comunitárias do MA que se mantém descriminadas e educando milhares de crianças no MA de forma mínima e na maioria das vezes voluntária ou com renda aos professores bem abaixo do salário mínimo. Na época houve sim protesto por parte de outras entidades, mas foi apenas em tentar garantir convênio direto a estas o que foi inviável já que não atendiam todos os requisitos como a Certidão de Cadastro no Conselho Nacional de Assistência Social, documento base deste tipo de convênio nacional, logo se possibilitou a FEDECMA ser a Ancora e as demais parceiras executoras. Wennder Robert – Acadêmico Formando de Direito, Técnico Agrícola, Sindicalista, Servidor Publico Estadual.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários