Poder

Ministro do PCdoB tenta se explicar e diz que PM é 'criminoso'

Orlando Silva e Flávio Dino ambos do PCdoB

Orlando Silva e Flávio Dino ambos do PCdoB

O ministro do Esporte, Orlando Silva, negou nesta segunda-feira (17) envolvimento em irregularidades na pasta, que chefia desde 2006.

“Estou confiante para que a verdade seja reestabelecida, não é possível que um criminoso se converta numa fonte de verdade”, disse ele. “Vou até as últimas consequências para defender minha honra”, reiterou.

Silva é acusado de participação num esquema de desvio de recursos do programa Segundo Tempo, que dá verba a ONGs para incentivar jovens a praticar esportes. A acusação foi feita à revista “Veja” pelo policial militar João Dias Ferreira.

Segundo Ferreira, o ministro teria recebido dinheiro vivo na garagem da pasta, o que Silva nega. À revista um funcionário do policial, Célio Soares Pereira, afirmou ter entregue dinheiro ao próprio ministro na garagem do ministério, em Brasília, no final de 2008.

“Não há e não haverá nenhuma prova no que foi falado por esse criminoso, simplesmente porque os fatos relatados e publicados na revista no fim de semana não correspondem à verdade”, afirmou o ministro.

Silva saiu em defesa do programa ao afirmar que ele é muito importante, por associar esporte e educação. Segundo ele, o Segundo Tempo passou por aperfeiçoamentos e beneficia 800 mil crianças.

O ministro também negou que as suspeitas sobre ele possam atrapalhar a organização da Copa do Mundo de 2014 e da Olimpíada de 2016, eventos que acontecerão no Brasil.

Ele ainda se colocou à disposição e afirmou que vai à Câmara nesta terça-feira, às 14h30, para prestar mais esclarecimentos.

INVESTIGAÇÕES – O Ministério da Justiça vai determinar à Polícia Federal a abertura de um inquérito para investigar as acusações contra o ministro do Esporte. José Eduardo Cardozo afirmou que conversou com Silva por telefone e que determinará a abertura do inquérito nesta semana.

Silva pediu que o procurador-geral da República, Roberto Gurgel, também abra uma investigação sobre as acusações de corrupção na pasta.

O policial militar que fez as acusações foi à superintendência da PF hoje para se encontrar com o delegado responsável pela investigação sobre desvios na pasta.

(Com informações da Folha)


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

4 comentários em “Ministro do PCdoB tenta se explicar e diz que PM é 'criminoso'”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. Fredrick Granado

    Saved as being a favored, I truly like your web site!

  2. Tonie Dravland

    This can be a superb suggestions specifically to people new to blogosphere, short and exact information… Many thanks for sharing this one particular. A need to go through report.

  3. Lucas Burch

    Way awesome, some legitimate details! I value you creating this short article offered, the remainder of the web site can also be higher good quality. Have a very entertaining.

  4. Ned Rybczyk

    Thanx with the work, sustain the great perform Fantastic operate, I'm planning to commence a tiny Weblog Engine training course perform employing your internet site I really hope you take pleasure in running a blog with all the common BlogEngine.web.Thethoughts you express are genuinely amazing. Desire you are going to appropriate some far more posts.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários