Brasil

O crescimento da telefonia celular e a estatística irreal de roubo

Por Milton Corrêa da Costa

Os aparelhos celulares, desde que foi implantada no país, há mais de 15 anos, a telefonia celular, chegam agora a cerca de 253 milhões de unidades já vendidas. Somente para os Dia das Mães o comércio vendeu, em todo território nacional, 6 milhões e 300 mil aparelhos. É como se para cada 10 habitanteshouvessem , hoje, 13celulares em circulação. É a impressionante aceitação de uma espetacular invenção que criou a ‘celular- dependência’. Uma de minhas filhas, por exemplo, tem quatro aparelhos. Eu, ainda resistente à modernidade das últimas gerações de sofisticados celulares, tenho apenas um modelo antigo. Diga-se de passagem que o celular, de acesso irrestriro hoje a qualquer classe social, à exceção dos que ainda morrem pela fome, tem o estranho poder de parecer nivelar socialmente seres humanos, pobres ou ricos. Ou seja, o que era privilégio e sofisticação, no início, da classe social mais elevada pelo alto valor de compra, agora é um charme de todos, pelo fácil acesso ao crédito, podendo ser pago em suaves prestações.

Não se imagina mais um mundo sem o telefone celular – alguns imprudentes motoristas contiunuam falando ao celular ao volante- cada vez mais sofisticados como o caso dos samartphones, num mercado mundial onde são garantidos milhares de empregos na produção e na comercialização de um aparelho que revolucionou e facilitou a comunicação entre os habitantes do planeta, sem falar na contínua fonte geradora de impostos para os governos. A ‘sociedade do ter’ sonha com aparelhos celulares e com TVs mais finas -cada invenção inquieta o consumidor e o mercado- como bens móveisde suprema necessidade, ainda que a telefonia fixa e a televisão tenham sequer ainda chegado a muitas regiões do mundo.

Neste contexto, da ‘celular-dependência’, também cresceram as estatísticas do roubo aos aparelhos. Não somente o dinheiro ou outro bem faz parte hoje da cobiça de ladrões ( caso de furto) e assaltantes (caso de roubo), mas principalmente o celular. Não há, praticamente, assalto a transeuntes, roubo de veículos ou em coletivos ( ónibus) sem que não se leve também o celular da vítima. Nos casos registrados em delegacias policias no Estado do Rio de Janeiro, no primeiro trimestre de 2102, foram 1141 os celulares roubados.Um número oficial do Instituto de Segurança Pública (ISP) porém irreal, partindo-se do princípio de que em parte das ocorrências de assalto ou furto em vias públicas ou em coletivos, as vítimas, desde que os documentos e cartões não vão juntos, não prestam queixa em delegacia policial, até por tratar-se de delitos de ação instantânea e de difícil investigação para identificação de autoria. Para a polícia mais fácil é tentar identificar as quadrilhas de receptadores de aparelhos roubados onde muito do produto do roubo é posto à revenda em bancas de camelôs (não cadastrados).

Registre-se que a vítima comparece à delegacia policial quando se trata de roubo do veículo, onde o celular também foi levado ou quando na ação delituosa também o documento pessoal é levado -quando só o celular e os cartões são levados nem sempre comparecem- ou no caso em que o aparelho esteja no seguro. Algumas seguradoras fazem o seguro principalmente dos aparelhos mais caros e de última geração e empresas de telefonia celular geralmente o seguro de seus aparelhos- rádio. Ou seja, o roubo de celulares também fazem as seguradoras faturar mais. É o efeito colateral ( positivo) da violência que enriqueceu muitos empresários gerando milhares de empregos no setor de segurança privada, também milhares de empregos na segurança pública ( cresceu o efetivo policial), empregos na mídia, nas editorias de polícia -vejam a concorrência de programas televisivos específicos- e no sofisticado mercado da tecnologia eletrônica de segurança residencial , bancária e de estabelecimentos, além da criação de mecanismos de auto-proteção pessoal como no caso das blindagens de veículos e da película não refletiva para os vidros de automóveis.

Salta aos olhos, no entanto, o fato de que, por exemplo, no primeiro trimestre deste ano, 5599 veículos foram roubados ( com ameaça ou emprego de violência) no âmbito do Estado o Rio de Janeiro e 1355 ocorrências de roubos em coletivos registrados , além de 13009 casos de roubos a transeuntes, onde apenas, em contrapartida, as estatísticas oficias apontam para 1141 os casos de roubos de aparelhos celulares. Das três uma: ou as ocorrências são quantificadas pelo delito de maior gravidade ou os assaltantes, na maioria dos casos, só visam o roubo do celular ( a carteira com o dinheiro e documentos sairam de moda) e a vítima não registra ou o roubo a celular só é quantificado, para fins estatísticos, em casos específicos que envolvam somente o citado bem móvel. Confesso que não entendi.

Ressalte-se , porém, que de qualquer forma, só saberemos a estatística real (somente aproximada), de roubos e furtos de celulares, no país, através dos números das seguradoras e das empresas de telefonia celular. Pelo registro policial apenas continuaremos sabendo o que foi registrado. Mas isso é outra história que prometo ao menos tentar pesquisar.

Que o seu sofisticado celular não seja vítima da cobiça do ladrão da próxima esquina. Caso ocorra lembre-se, no entanto, que sua vida vale muito mais que um aparelho celular, ainda que a toda a sua agenda pessoal se perca naquele momento.

Milton Corrêa da Costa é coronel da reserva da PM do Rio de Janeiro


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Maranhão

MPF quer que Incra corrija ocupação irregular de áreas do projeto Entroncamento

O Ministério Público Federal no Maranhão (MPF/MA) propôs ação civil com pedido de liminar contra o Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) pela inércia da autarquia diante da comercialização ilícita de lotes do projeto de assentamento Entroncamento, localizado no município de Itapecuru-Mirim (MA). A área é destinada à reforma agrária e parte dela pertence aos remanescentes de quilombos do município.

Parte do projeto Entroncamento foi apropriada por pessoas que não possuem o perfil de clientes da reforma agrária, o que gerou disputas entre moradores e vizinhos da região. O MPF constatou que essas áreas foram adquiridas em compras e vendas de lotes irregulares, gerando concentração fundiária em espaço destinado apenas aos quilombolas, posseiros e assentados.

As irregularidades foram identificadas pelo Incra, mas as providências não foram tomadas. Para resolver a situação, várias reuniões foram realizadas na sede do MPF/MA. No entanto, a autarquia, mesmo oficiada por diversas vezes, permaneceu inerte.

Com o objetivo de resguardar os direitos sociais dos beneficiários da reforma agrária e dos remanescentes de quilombos, o MPF requereu completo levantamento da ocupação irregular de lotes do projeto Entroncamento e a adoção de medidas efetivas para a correção das irregularidades identificadas. Requereu ainda aplicação de multa diária ao Incra, no valor de 10 mil reais, em caso de descumprimento de qualquer das obrigações.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Morre filho da secretária de Cultura de Bacabal

Blog do Louremar

Faleceu na tarde desta segunda-feira (28) o jovem Elvio Filiho , 19 anos.

Elvio é filho do casal Elvio Marçal e Carmem Xavier. Ela, secretária de Cultura da cidade de Bacabal.

O jovem estava internado na UTI do Hospital São Domingos desde a tarde de sábado (26) depois que sofreu um acidente na BR 316, próximo ao bairro Cohab II, em Bacabal. (releia aqui e aqui ).

O corpo ainda está no hospital São Domingos de onde deve sair nos próximos instantes, direto para a cidade de Bacabal. O velório será no Salão Paroquial de Santa Terezinha.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Vereadores recebem denúncia contra prefeito de Buriticupu

Prefeito de Buriticupu

Prefeito de Buriticupu

A disputa entre os poderes Legislativo e Executivo em pendências continua pegando fogo em Buriticupu. Na sessão da Câmara Municipal, realizada na última sexta-feira (25), o cidadão Flavio Pereira de Oliveira entrou com um pedido aos vereadoresl para que seja aberta a Comissão Processante a fim de investigar supostas irregularidades cometidas pelo prefeito Antonio Marcos de Oliveira, mais conhecido como “Primo”, do PDT.

O requerimento foi aprovado com 6 votos dos nove vereadores e entregue à Mesa Diretora da Câmara Municipal.

Nele constam várias denúncias que precisam ser apuradas, entre as graves, está uma movimentação do prefeito municipal, além do mês de janeiro de 2012 a representada deixou de repassar os 7% (sete por cento) mensal dos valores arrecadados pelo município ao legislativo.

Veja abaixo a denúncia que poderá levar a cassação do prefeito de Buriticupu:

O representado sistematicamente tem Impedido o funcionamento regular da Câmara descumprindo a Lei Orçamentária Anual aprovada para o exercício de 2012, uma vez que não tem repassado os recursos de acordo com os termos dessa Lei. Como exemplo pode-se mencionar o seguinte: desde o mês de janeiro de 2012 o representado deixou de repassar os 7% (sete por cento) mensal dos valores arrecadados pelo município ao legislativo. O texto Constitucional no seu art. 29A, I, assegura o repasse do percentual acima citado, para a manutenção da Casa Legislativa nos municípios que tem até 100 mil habitantes, porém o Executivo Municipal enviou proposta da LOA 2012 (doc. 1), com o valor orçado para Câmara de Vereadores no valor de 1.793.000,00, que dividido por 12 meses daria um valor mensal de 149.500,00, a Câmara entrou com uma emenda ao orçamento, fazendo remanejamento de despesas, sendo aprovado por unanimidade o valor de 1.942.000,00 que daria um valor mensal de 161.833.033 (doc 2), o prefeito municipal vem repassando valores inferiores, desrespeitando tanto a proposta do executivo quanto a proposta aprovada pela Câmara de vereadores, o valor repassado atualmente é menor que o duodécimo do ano de 2008, que a partir de outubro foi no valor de 115.000,00 (cento e quinze mil reais) mensais, descumprindo assim o inciso VI do art. 4º do decreto Lei 201/67, (docs. 3 e 4).

Documentos em anexo revelam que no inicio do ano de 2011, nos quatro primeiros meses, o valor repassado chegava até 160.000,00 (cento e sessenta mil reais), enquanto que no primeiro quadrimestre de 2012 esse montante foi de apenas R$ 110.000,00 (cento e dez mil)/mês  (doc. 3). Ressalte-se que é facultado ao Chefe do Executivo reduzir o montante do repasse financeiro mensal ao Legislativo, devendo, para tanto, editar um Decreto estabelecendo quotas mensais de desembolso financeiro, abrangendo, uniformemente, todas as unidades orçamentárias do município, inclusive a Câmara Municipal, para ajustar a despesa da municipalidade à efetiva arrecadação. Acontece que as receitas do município tem sido crescente ano após ano o que não justifica a redução dos repasses ( doc. 5).

Consequentemente, essa desobediência tem acarretado vários problemas ao funcionamento da Casa Legislativa, dentre eles o não pagamento da verba indenizatória aos vereadores, verba esta aprovada através de lei especifica nº 258 em dezembro de 2011 (doc. 6), o mais grave é que estar na folha de pagamento.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Prefeito de Carolina é condenado por irregularidades em licitações

Prefeito de Carolina

Prefeito de Carolina

A 3ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA) julgou parcialmente procedente uma ação penal contra o prefeito do município de Carolina, João Alberto Martins Silva, e o condenou a 3 anos de detenção, em regime aberto, pena esta substituída por duas de prestação de serviços à comunidade. Ainda cabe recurso da decisão tomada nesta segunda-feira (28).

A razão da condenação foi o fato de o Tribunal de Contas do Estado (TCE) ter desaprovado as contas prestadas pelo prefeito em gestão anterior, referentes ao ano de 1998, por irregularidades em licitações, apontadas em denúncia do Ministério Público estadual (MPE). João Alberto Silva também deverá pagar multa de R$ 3.778,00 e poderá ter decretada a perda definitiva do cargo, com suspensão dos direitos políticos por cinco anos, após o trânsito em julgado da ação (quando não cabe mais recurso).

O Ministério Público havia pedido a condenação por irregularidades em processos licitatórios (artigo 89 da Lei de Licitações) e por concurso material (artigo 69 do Código Penal). Em relação a este último, o desembargador Froz Sobrinho (relator) afastou a hipótese, por entender que houve apenas um crime.

A defesa do prefeito sustentou, preliminarmente, que o parecer prévio do TCE está sub judice, em razão de ação anulatória que tramita na Justiça de 1º grau, e que os suspeitos indícios de irregularidades não implicam em prejuízos ao erário, nem comprovam má-fé do gestor.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Banco do Brasil trata com descaso o povo de Olho D´Água das Cunhãs

Blog do Ayrton Carvalho

Agência antiga, não voltou a funcionar depois do arrombamento.   Foto: blog do Ayrton Carvalho

Agência antiga, não voltou a funcionar depois do arrombamento. Foto: blog do Ayrton Carvalho

Desde o dia 21 de abril quando a agência do Banco do Brasil de Olho d’Água das Cunhãs foi assaltada , a população da cidade sofre por falta de atendimento bancário.

Era a única agência da cidade. Os bandidos assaltaram usando explosivos. Junto com o dinheiro foi embora o interesse do Banco do Brasil pelo povo da cidade e região.

Depois de muita cobrança, o Banco instalou uma agência provisória somente para atendimentos burocráticos.

Foto: blog do Ayrton Carvalho

Foto: blog do Ayrton Carvalho

Sem caixa eletrônico, os clientes estão impossibilitados de fazerem saques. O comércio vive uma crise.

A única saída é correr o risco de assalto na estrada. Para sacar dinheiro ou fazer depósitos, os  clientes de Olho D´Água tem que se deslocar até o município vizinho de Vitorino Freire.

Ao lado: agência provisória do Banco do Brasil. Somente atendimento burocrático.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Geral

Jornalista Marcos Nogueira morre aos 57 anos em São Luís

Jornalista Marcos Nogueira

Jornalista Marcos Nogueira

Morreu na manhã desta segunda-feira (28), vítima de diabetes, o jornalista Marcos Nogueira, de 57 anos. O jornalista era natural de São Paulo e residia em São Luís, onde teve boa tarde de atuação na imprensa na aera de jornalismo político.

Nogueira iniciou sua história no jornalismo como repórter do jornal Mutirão de Ceará, passando logo após pela Folha de São Paulo, O Estado de São Paulo, e começou a brilhante carreira em São Luís pelo Jornal Pequeno e O Imparcial. Além disso, Marcos Nogueira mantinha uma coluna na internet.

O velório será realizado na Central PAX União, no bairro do Grande.

Neste momento de dor, o blog se solidariza com todos os familiares.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Candidatos à eleição de prefeito começarão a ser pré-definidos esta semana

O Estado do Maranhão

Os partidos políticos envolvidos com a eleição majoritária em São Luís começam a definir esta semana os caminhos que serão confirmados durante as convenções, cujo prazo para serem realizadas começa dia 10 de junho. O PT espera a reunião de pelo menos 14 partidos que declararam apoio à sua candidatura para definição da indicação do vice. Enquanto isso, a oposição ainda analisa dados de pesquisas qualitativas para definir quem será o candidato.

O tempo de negociação para definições sobre candidaturas para as eleições deste ano começa a ficar menor. Em São Luís, os partidos de oposição devem se reunir esta semana para começar a analisar em conjunto os dados de pesquisas qualitativas que cada legenda encomendou para assim definir o melhor nome para entrar na disputa eleitoral.

De acordo com o pré-candidato do PP, Tadeu Palácio, a intenção dos seus aliados (PTC, PSB, PPS e PCdoB) é chegar a um denominador comum quanto ao nome que será indicado para ser o candidato da oposição.

Rumos – Durante toda esta semana, os presidentes dos partidos envolvidos e ainda os pré-candidatos, que incluem Tadeu Palácio, Edivaldo Holanda Júnior (PTC), Eliziane Gama (PPS) e Roberto Rocha (PSB), finalizarão as avaliações dos levantamentos para então definir os rumos da oposição.

“Acredito que até o fim desta semana todos os dados terão sido comparados e avaliados para já definirmos os caminhos a serem seguidos e quem melhor representará a ideia do nosso grupo”, afirmou Palácio.

Enquanto a oposição se organiza para definir o nome do candidato que será cabeça de chapa na eleição majoritária, o pré-candidato do PT, o vice-governador Washington Luiz, espera que os 14 partidos que declararam apoio à sua candidatura se reúnam e definam o nome do vice que comporá com o PT.

“O tempo está terminando e os prazos estão chegando. Esperamos que ainda esta semana os presidentes dos 14 partidos se reúnam e definam quem irá compor conosco do PT. As negociações em torno do vice não podem mais se prolongar”, declarou Washington Luiz.

Aliança – De acordo com o presidente municipal do PMDB, deputado Roberto Costa, até o dia 10 de junho o nome do vice de Washington será indicado. Pelas negociações, este nome deverá sair do PMDB por causa principalmente da aliança nacional entre petistas e peemedebistas.

No entanto, como ainda não findaram as conversas, tanto Costa quanto outros presidentes de legendas aliadas do PT no Maranhão deverão se reunir ainda esta semana para avançar nas negociações.

“Pelo que estamos conversando, o nome do vice de Washington será do PMDB, mas isso somente será confirmado após findar as negociações com outras legendas que fazem parte da base aliada da governadora Roseana Sarney”, disse Roberto Costa.

O PMDB indicou os nomes dos ex-secretários estaduais Conceição Andrade, Luís Bulcão e o deputado estadual Afonso Manoel. Outro partido aliado, o PTB, indicou o nome do jornalista Roberto Fernandes. Já o PV tem como indicação o deputado estadual Edilázio Júnior.

Decisão – Outra decisão que o petista Washington Luiz aguarda é sobre o apoio do DEM. Esta decisão pode ser tomada ainda esta semana, já que o presidente estadual do Democratas, senador Clóvis Fecury, deverá se reunir com o presidente nacional, José Agripino, para que seja exposta a situação do partido no Maranhão.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Crimes relacionados ao caso Décio Sá estão elucidados

Décio Sá foi assassinado com cinco tiros

Décio Sá foi assassinado com cinco tiros

Ao menos dois crimes que se relacionam indiretamente ao assassinato do jornalista Décio Sá, executado no dia 23 de abril, no Bar e Restaurante Estrela do Mar na Avenida Litorânea já estão elucidados.

A polícia já tem em mãos os resultados investigatórios dos crimes praticados em períodos anteriores ao assassinato do jornalista.

Porém, não existem revelações que indiquem relação ao assassinato do jornalista. Neste caso especifico da morte de Décio Sá, a polícia tem descoberto uma seria de outros assassinatos correlatos.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Bia Venâncio não concorrerá á reeleição em Paço do Lumiar

Venâncio não será candidata em Paço do Lumiar

Venâncio não será candidata em Paço do Lumiar

A prefeita de Paço do Lumiar, Bia Venâncio (PSD), não deve concorrer à reeleição para prefeito que acontece em outubro deste ano. A informação foi divulgada no domingo (27), após longa reunião que definiu a retirada da corrida eleitoral.

Com isso, o PSD abre espaço para nomes como do Professor Josemar Sobreiro (PR), deputado federal Pinto Itamaraty (PSDB), deputado estadual Manoel Ribeiro (PTB) e a petista Núbia Dutra (esposa do deputado federal Domingos Dutra).

Segundo informações, a prefeita tomou essa decisão em prol da união do grupo, no qual deve apoiar a campanha e pré-candidatura de Adriano Sarney, filho do deputado federal Sarney Filho, ambos do PV.

Bia Venâncio foi eleito no dia 5 de outubro de 2008 com 13 mil votos, contra seus adversários: o professor Josemar Sobreiro, Franklin Fonseca e Inácio.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.