Poder

Assembleia Legislativa torra meio milhão com ex-deputados estaduais

Fachada da Assembleia Legislativa do Maranhão

Fachada da Assembleia Legislativa do Maranhão

A Assembleia Legislativa do Maranhão em menos de dois anos, torrou mais de meio milhão de reais com ressarcimentos de planos de saúde.

Mesmo não exercendo cargo parlamentar, os ex-deputados ainda permanecem com as mordomias pagas pela Assembleia legislativa do Maranhão.

O ex-parlamentar Jose Gerardo é um dos que recebeu mais de R$ 6 mil referente ao primeiro semestre deste ano.
Veja abaixo a relação dos ex-deputados beneficiados com o ressarcimento de planos de saúde:

Sarney de Araújo Costa Neto

2010 –> R$ 6.837

2011 –> R$ 7.257

Pedro Novais

2010 –> R$ 8.400

2011 –> R$ 6.300

Aderson Lago

2010 -> R$ 9.450

2011 -> R$ 7.717

José Gerardo

2010 -> R$ 12.600

20111 -> R$ 6.300

Clodomir Paz

2010 -> R$ 10.060

2011 -> R$ 1.906

Bete Lago

2010 -> R$ 4.734

Rubens Pereira

2010 -> R$ 6.740

2011 -> R$ 5.524

Humberto Araújo Coutinho

2010 -> R$ 16.800

2011 -> R$ 15.750

Celson da Conceição Cuirtinho

2010 -> R$ 9.450

2011 -> R$ 6.300

Remi Ribeiro Oliveira

2010 -> R$ 9.450

2011 -> R$ 5.250

José Juscelino dos Santos Resende

2010 -> R$ 8.253

2011 -> R$ 5.231

Jurandir Ferro Lago

2010 -> R$ 8.490

2011 -> R$ 5.919

Maria da Conceição Senna

2010 -> R$ 3.622

2011 -> R$ 4.141

Mario Jóse Dias Carmeiro

2010 -> R$ 9.450

2011 -> R$ 5.250

Eduardo Costa Matias da Paz

2010 -> R$ 9.450

2011 -> R$ 6.300

João Macedo da Silva

2010 -> R$ 6.695

2011 -> R$ 6.003

Orlando Brito de Aquino

2010 -> R$ 9.450

2011 -> R$ 6.300

Chico Martins

2010 -> R$ 5.547

2011 -> R$ 2.768

Darion Riker Teles de Meneses

2010 -> R$ 5.034

2011 -> R$ 4.774

Luiz Pedro

2010 -> R$ 2.100

2011 -> R$ 7.350

Theoplistes Teixeira

2010 -> R$ 9.450

2011 -> R$ 6.300

Jóse Jorge Leite Soares

2010 -> R$ 2.502

2011 -> R$ 1.719

Anselmo de França Ferreira

2010 -> R$ 3.134

2011 -> R$ 2.878

Oseas Rodrigues de Souza

2010 -> R$ 6.260

2011-> R$ 4.173

José Gentil Rosa

2010 -> R$ 9.362

2011 -> R$ 5.320

José Orlando F. da Silva

2010 -> R$ 6.003

2011 -> R$ 6.976

Jonatas Lopes Freitas

2010 -> R$ 5.777

2011 -> R$ 4.783

Inácio Peres da Conceição

2010 -> R$ 8.400

Júlio Pires Monteles

2010 -> R$ 7.352

2011 -> R$ 4.200

Pedro Vasconcelos Sousa

2010 -> R$ 6.294

2011 -> R$ 6.300

José Genésio

2010 -> R$ 2.723

2011 -> R$ 7.880

Aristeu Dias Barros

2010 -> R$ 8.400

2011 -> R$ 7.350

Janice Santos Braide

2010 -> R$ 6.759

2011 -> R$ 4.957

Beaterio Nan Sousa

2010 -> R$ 8.385

2011 -> R$ 5.878

Marcony Edson Muniz de Freitas

2010 -> R$ 5.250

2011 -> R$ 6.300

Soliney de Sousa Silva

2010 -> R$ 4.131

2011 -> R$ 5.215

Alberto Marques de Araújo

2010 -> R$ 8.385

2011 -> R$ 6.300

Telma Pinheiro

2010 -> R$ 3.229

2011 -> R$ 8.525

Wilson Pereira de Carvalho

2010 -> R$ 5.578

2011 -> R$ 4.783

Edmar Cutrim

2010 -> R$ 9.261

2011 -> R$ 6.300

Carlos César Branco Bandeira

2010 -> R$ 8.400

Sandra Maria Carvalho Rodrigues de Deus

2010 -> R$ 6.300

2011 -> R$ 4.200

Alberico de França Filho

2010 -> R$ 9.450

2011 -> R$ 7.350

Vagner Mendes Pessoa

2010 -> R$ 9.450

2011 -> R$ 3.150

Maria Tereza Trovão Murad

2010 -> R$ 9.450

2011 -> R$ 6.300

Os ex-parlamentares que começaram a receber neste ano

Antônio Carlos Braide -> R$ 3.547

João Jorge Jinkings Pavão -> R$ 5.664

Sebastião Murad -> R$ 5. 443

Joaquim Haickel -> R$ 3.716

Pavão Filho -> R$ 5.203

Bacelar Nunes Ribeiro -> R$ 5.250

José Elder Santos de Sousa -> R$ 5.255

Helena Barros Heluy -> R$ 960


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

PT enquadra Zé Inácio no Incra no MA

Zé Inácio comandará o Incra no Maranhão

Zé Inácio comandará o Incra no Maranhão

Foi nomeado hoje, 18, para o comando do Incra no Maranhão o jovem despreparado José Inácio Rodrigues Sodré, que é do mesmo grupo politico do vice-governador Washington Oliveira.

Zé Inácio é advogado e natural do município de Bequimão, o jovem não tem expressão política no Maranhão, foi candidato nas últimas eleições para deputado estadual pelo Partido dos Trabalhadores e obteve apenas 7.387 votos.

Essa nomeação é comentada nos bastidores político como uma vitória do vice-governador Washington Oliveira e Raimundo Monteiro (Presidente do PT-MA).

SEDUC – O PT apoiou Roseana Sarney nas eleições de 2010 ao governo do Estado, visando a Secretaria de Educação do Estado, como um dos acordos firmados entre os dirigentes do PT e a cúpula do PMDB.

O PT no cenário politico do Maranhão está desmoralizado, nunca lhe foi dado a Pasta da Educação, sendo uma das secretarias que seriam comandadas por algum membro do Partido dos Trabalhadores.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Pedro Novais recebe benefício mensal da Assembleia do MA

Folha.com

A Assembleia Legislativa do Maranhão paga mensalmente R$ 1.050 para o ministro do Turismo, Pedro Novais, como ressarcimento de gastos como plano de saúde.

Segundo a Assembleia, o ministro tem direito ao valor desde 2005, quando o Legislativo estadual estendeu o benefício –que já era dado a deputados estaduais– também a ex-deputados.

 

Pedro Novais,ministro já recebeu mais de R$ 17.500 pela Assembleia do Ma.

Pedro Novais,já recebeu mais de R$ 15.750 pela Assembleia do Ma.

Novais exerceu o cargo de 1979 a 1982. Foi eleito em 1978, pela Arena.

Contando apenas a partir de maio de 2010, quando os gastos da Assembleia passaram a ser publicados no Portal da Transparência, o ministro já recebeu R$ 15.750.

Depois de ser deputado estadual, Novais foi eleito para cinco mandatos e um período como suplente na Câmara dos Deputados. Este ano, licenciou-se da Câmara para assumir o ministério.

Por meio da assessoria da pasta, o ministro disse que recebe o ressarcimento há quatro anos. Afirmou ainda que, como deputado federal e ministro, não tem direito a plano de saúde. Disse que o benefício é um direito adquirido, do qual não pensa em abrir mão.

Novais foi indicado para o Ministério do Turismo pela família Sarney, de quem é aliado, e pela cúpula do PMDB, seu atual partido.

Como ex-deputado estadual, Novais é pensionista do Fundo de Pensão Parlamentar, e recebe, desde 2003, pensão parlamentar.

O valor pago mensalmente não foi divulgado e é proporcional ao tempo de contribuição para o fundo.

Segundo a Assembleia, o pagamento dos benefícios para ex-deputados está previsto em resoluções internas.

Uma delas prevê que também poderão ser ressarcidos eventuais gastos emergenciais de saúde, como internações e cirurgias, desde que o ex-deputado solicite.

O fundo de pensão dos deputados maranhenses foi criado em 1980, durante o mandato de Novais na Assembleia, e extinto em 2003. A legislação, porém, manteve os direitos adquiridos.

Segundo a Assembleia, Novais obteve o benefício ao contribuir para o fundo de pensão mesmo após terminado seu mandato na Casa.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

PDT em nova versão

Antonio Carlos Lago irmão do ex-governador Jackson Lago

Antonio Carlos Lago irmão do ex-governador Jackson Lago

Blog do Louremar Fernandes

Está em curso um processo de renovação do diretório do PDT em Bacabal. A missão é capitaneada pelo advogado Antonio Carlos Lago (foto) que busca devolver a identidade de oposição à sigla.

Antes dessa fase, o partido estava sob o comando do prefeito Raimundo Lisboa. Ele herdou o PDT quando Jackson Lago foi Governador.Era o homem de confiança do ex-governador e dele recebeu todas as atenções e repasses financeiros para obras no município. Com a queda de Jackson, o prefeito se alinhou aos novos ocupantes do poder estadual e deixou o partido esquecido.

A comissão provisória é formada por Antonio Carlos Lago, Jeferson Santos, José Carlos Reis Filho, Almiro Filho e a veterana militante Leó. Dois desses nomes são políticos egressos de outros partidos. Depois que a vereadora Liduina Tavares assumiu o comando do PTB, o ex-vereador Jeferson Santos não se sentiu mais à vontade no partido e migrou para o PDT. O oftalmologista José Carlos Reis Filho é outro neo-pedetista, assinou sua ficha de filiação depois que perdeu o comando do PP para o grupo do deputado Carlinhos Florêncio.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Em Barra do Corda, prefeito engana população com obras inacabadas

Placa de ordem de serviço da ponte Rio Corda

Placa de ordem de serviço da ponte Rio Corda

Hoje o blog mostrou a relação dos convênios que foram realizados pela prefeitura de Barra do Corda com o Ministério do Turismo. O prefeito Manoel Mariano de Sousa, o Nenzin (PV), recebeu mais de R$ 7,5 milhões. os recursos foram destinados para construção de obras na cidade nos setores de  urbanização,iluminação de ruas, pavimentação asfáltica.

A placa de ordem de serviço da construção de uma ponte sobre o Rio Corda é o que ainda resta.

O agiota, ex-presidiário, e filho do prefeito de Barra do Corda, Pedro Teles, indicou a empresa  Planmetas para concorrer a licitação da obra naquele município.

Como esperado, a construtora “Planmetas” ganhou a licitação da obra, só que nada foi realizado, e parece que se o Ministério Público nada fizer, assim vai continuar.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Barra do Corda recebeu mais de R$ 7 milhões em repasses do Ministério do

O prefeito de Barra do Corda, Manoel Mariano de Sousa, o Nenzin (PV), recebeu mais de R$ 7,5 milhões em convênios realizados, só neste ano, com o Ministério do Turismo.

Todos os recursos foram destinados para construção de ponte sobre o Rio Mearim, urbanização e iluminação de ruas, pavimentação asfáltica em alguns bairros, construção da ponte que fica sobre o Rio Corda, urbanização do Balneário Guajajaras.

Manoel Mariano Sousa recebeu os recursos federais e nunca concluiu as ações que foram firmadas junto ao Ministério do Turismo.

Percebe-se o desinteresse do prefeito em não realizar as obras que foram elaboradas e mostradas ao ministro Pedro Novais.

INVESTIGAÇÕES – Novas prisões da Polícia Federal podem ser efetuadas por esses dias. O Tribunal de Contas da União (TCU) está investigando as irregularidades nos repasses feitos pelo Ministério do Turismo a prefeitura de Barra do Corda e outros municípios do Maranhão.

Confira abaixo a relação dos repasses feitos pelo Ministério do Turismo para a prefeitura de Barra do Corda e mais 21 prefeituras do Maranhão:


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Max Barros apresenta projeto da reforma do Estádio Castelão

O secretário de Estado de Infraestrutura, Max Barros, apresentou em coletiva à imprensa realizada ontem (16), detalhes do projeto de conclusão da reforma do Estádio Castelão. Participaram do evento os secretários de Estado de Esportes e Lazer, Joaquim Haickel, de Estado de Meio Ambiente, Victor Mendes, além dos deputados estaduais Roberto Costa (PMDB), Jota Pinto (PR) e Raimundo Louro (PR).

Max Barros explica à secretários e parlamentares detalhes do projeto de reforma do Castelão

Max Barros explica à secretários e parlamentares detalhes do projeto de reforma do Castelão

De acordo com Max Barros, o processo será imediatamente encaminhado à licitação, que deve durar dois meses e a obra custará, no máximo, R$ 25 milhões – o projeto anterior, elaborado pela empresa que realizou a primeira parte da reforma, estimava em R$ 50 milhões o custo do serviço.

A expectativa do Governo é entregar um estádio totalmente novo à comunidade desportiva do estado no dia 8 de setembro do ano que vem, como parte das comemorações pelos 400 anos de São Luís.

Problemas antigos

Dois problemas antigos do estádio serão solucionados após a conclusão da reforma. O primeiro é o alagamento dos vestiários. Em dias de chuva, é praticamente impossível aos atletas permanecer no local.

Outra grande queixa de atletas e treinadores era em relação à posição do banco de reservas. No caso dos jogos que começavam à tarde, a estrutura ficava de frente para o sol, incomodando jogadores e dificultando a visibilidade dos técnicos.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Professores paralisam em defesa do piso salarial

Hoje em todo país professores paralisaram suas atividades na defesa da Lei do Piso. Sancionada em 2008, a lei garante que nenhum professor deveria ganhar menos que R$ 950,00, valor que foi corrigido para R$ 1.187 em 2011. Alguns governadores questionaram a constitucionalidade da lei, alegando ser um valor muito alto para início de carreira.

Paralisação geral da classe dos professores

Paralisação geral da classe dos professores

Além disso, vários gestores quiseram manipular esse entendimento colocando o valor do piso incluindo as gratificações. Porém no entendimento do STF, esse valor refere-se ao vencimento básico sem acréscimos.

No Maranhão, a ex-secretária Olga Simão na dizia que só iria cumprir a lei do Piso após a divulgação do acórdão pelo STF.

Há vários anos existe uma luta pela aprovação do estatuto do educador, um conjunto de artigos que visa melhorar a qualidade da educação atingindo alunos, professores, gestores escolares e a comunidade.

Percebe-se a falta de vontade em melhorar a educação no Maranhão, onde os investimentos são mínimos e a falta de estrutura física e humana ainda é patente, gerando descontentamento dos professores e de alunos.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Silas Malafaia ganha título de 'persona non grata'

Em sessão realizada hoje, 16, na Câmara dos vereadores de São Luís, o pedetista Ivaldo Rodrigues, foi a tribuna em defesa das agressões verbais feitas por Silas Malafaia em que chamou o vereador de “bandido” e “bocó”.

Silas Malafaia despreza Título de Cidadão Ludovicense

Silas Malafaia despreza Título de Cidadão Ludovicense

Ivaldo pediu que fossem tomadas as providências para acionar a Procuradoria Jurídica pelas agressões sofridas pelo Parlamento.

No dia (2) o vereador fez o pedido de vista do projeto de autoria da comunista Rose Sales, que concede o Título de Cidadão Ludovicense a Silas Malafaia,

A vereadora Rose Sales que não compareceu a sessão de hoje com receio de ser agredida pelo movimento LGBT.

O pastor Silas Malafaia durante a entrevista disse “tanto faz como tanto fez, ter um Título de Cidadão Ludovicense”, diz o pastor em total desprezo pela capital.

“Foi solicitado uma publicação que o vereador repudia oficialmente, e apresentação do título de persona non grata a Silas Malafaia”.

Segundo informações passadas ao titular do blog durante a sessão de hoje, o movimento LGBT do Maranhão vai recepcionar a chegada de Malafaia em São Luís com ovos e sacos de merda. Isso vai feder!


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.