Maranhão

Em Urbano Santos, feirantes trabalham em mercado público precário

Do Blog do Kiel Martins

Iracema
O único mercado público da cidade de Urbano Santos encontra-se em total estado de abandono. Onde deveria ser um ambiente limpo e higienizado é visto pelos feirantes e clientes do município como um verdadeiro lixão.

O local nunca recebeu reformas e melhorias. Devido o descaso, a estrutura está totalmente comprometida, colocando em risco a vida das pessoas que são obrigada a trabalhar no mercado para garantir o sustento da família.

A cidade é o reflexo do abandono por parte da atual gestão, as promessas de campanha da dona Iracema Vale (PT), ficaram no esquecimento. Enquanto isso, contratos milionários são selados entre muitas empresas e a Prefeitura, já a população fica a espera da execução dos serviços que nunca chegam.

Urubus e animais se instalaram no local, chegando até a pousar em cima das bancas de peixes e alimentos. A insalubridade coloca em risco à vida da população que é obrigada também a ter que suportar o forte odor vindo dos banheiros.

O mercado precisa ser interditado imediatamente para que seja feito as devidas adequações e tornar o local apto para receber a população e comercializar alimentos.

Desde que assumiu o mandato, a prefeita prometeu reformar o local e entregar um mercado público de qualidade ao povo, mas até agora não passou de promessa.

IMG-20160112-WA0118

IMG-20160112-WA0121

IMG-20160112-WA0123

IMG-20160112-WA0126


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

2 comentários em “Em Urbano Santos, feirantes trabalham em mercado público precário”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. antonio costa

    Na nossa cidade essa prefeita esta roubando descaradamente, tudo isso que o blog fala muito pouco o que esta fazendo em nosso municipio uma verdadeira gangue.

  2. AZAMBUJA

    Em Cururupu é de igual a pior. Com agravante. Os animais são abatidos em cima da palha, nos quintais das e sítios, sem nenhum controle sanitário e muitos são produto de furto. Mas isso não é nada para a administração. O Prefeito já mandou anunciar nos quatro contos da cidade que vai fazer o carnaval e trazer a Banda Chicabana pela bagatela de R$ 500.000,00 (quinhentos mil). Por outro lado, a epidemia de Zikav a cada dia só aumenta. É mole ou quer mais. Vem pra Cururupu.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários