Maranhão

Em Maracaçumé, vai às ruas pedir mais segurança

A cidade vive uma onda de assaltos nunca antes visto.

Maracaçumé, cidade de quase 20 mil habitantes, saiu as ruas nesta segunda-feira, dia 09, para cobrar segurança pública de qualidade.
A cidade vive uma onda de assaltos nunca antes visto. É uma moto roubada por dia, sem falar nos celulares. As pessoas estão inseguras. Boa parte não quer mais sair de seus lares e quando sai (de moto) não sabe se retorna com ela ou com o celular no bolso.

Foi por causa disto que essa mobilização foi organizada de forma pacifica e contou com a presença da sociedade civil e lideranças políticas.
Diferente do que a gestão andou pregando, essa atitude não tem nenhum cunho político. O objetivo principal da manifestação foi cobrar por mais segurança das autoridades competentes e isso inclui o poder judiciário e executivo.

Dentre as reivindicações é a abertura de vagas no concurso público para Guarda Municipal. A Guarda não é renovada desde 2003. A polícia militar não consegue resolver tudo sozinha é necessário o auxílio constante, da guarda, para trabalhar na prevenção.

A sociedade de Maracaçumé espera mudança na segurança e que não seja necessário outra manifestação para expor as mazelas da cidade. Que haja uma união das força em prol do município.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários