Geral / Maranhão

Bancos do MA são multados em mais de R$ 20 milhões

o Procon detectou outras irregularidades como ausência de informação ao consumidor, publicidade enganosa, descumprimento de oferta, irregularidades em empréstimos consignados, negativação indevida.

Agências bancárias que atuam no Maranhão foram multadas no valor total de R$ 20.957,142,00, pelo Instituto de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon) pela má qualidade na prestação dos serviços aos consumidores.

Entre elas estão: Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal, Santander, Liderprime, BV Financeira, Bradesco, Itaú e BMG.

Presidente Duarte Júnior fiscalizando agências bancárias.

Presidente do Procon, Duarte Júnior, fiscalizando agências bancárias.

Além do serviço deficiente, o Procon detectou outras irregularidades como ausência de informação ao consumidor, publicidade enganosa, descumprimento de oferta, irregularidades em empréstimos consignados, negativação indevida; falha na prestação do serviço, como por exemplo, lançamentos indevidos na fatura do cartão de crédito e outras.

Multas aplicadas para cada banco: Bradesco foi multado em R$ 7.340.000,00; Itaú em R$ 4.030.000,00; Caixa Econômica Federal em R$ 2.030.000,00; o Banco do Brasil em R$ 1.820.000,00; Santander, o Procon multou em R$ 1.450.000,00; o Liderprime em R$ 1.510.000,00; o BV Financeira em R$ 1.930.000,00; e o BMG em R$ 847.142,00. O total chega a R$ 20.957,142,00.

Os bancos foram notificados, nos termos do artigo 46, § 2o do Decreto Federal 2.181/97, para efetuarem o pagamento no prazo de 10 dias ou apresentar recurso ao Procon. Caso não ocorra o pagamento da multa aplicada, poderá haver inscrição do débito na Dívida Ativa do Estado do Maranhão, para subsequente cobrança executiva (art. 55 do Decreto Federal 2.181/97).


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários