Maranhão

Moradores ameaçam interditar MA-280

Paralisada, obra teve apenas 5 porcento do valor do convênio liberado; vereadores pedem providências ao governo do Estado.

Por Gil Carvalho

Os moradores do assentamento Novo Horizonte, localizado na margem da MA-280, reclamam da escassez da falta de água e solicitam providências junto ao governo estadual para conclusão da obra de implantação de saneamento ambiental por meio de abastecimento de água, resultado do convênio 0526/2013, celebrado com o município de Montes Altos.

O convênio, estimado por meio da Secretaria de Estado das Cidades e Desenvolvimento Urbano (Secid), no valor de R$ 450.000,00, teve apenas 5 porcento do total liberado na época do governo Roseana Sarney. A contrapartida, orçada em R$ 23.684,22, é de responsabilidade da Prefeitura de Montes Altos.

Dois poços artesianos chegaram a ser perfurados no ano passado nas localidades de Novo Horizonte e Firmeza, porém o sistema de distribuição de água está inacabado devido à falta de recursos do convênio firmado com o Governo do Maranhão. “Temos clamado ao prefeito Valdivino Rocha; aos vereadores, deputados estaduais e ao governador Flávio Dino para que sensibilizem com o drama das famílias, principalmente das crianças e idosos que dependem desse precioso líquido para necessidades básicas no assentamento Novo Horizonte”, desabafou Pedro da Silva.

Sem opção, a comunidade é obrigada a lavar roupas com lama, pegar água em locais muito distantes ou beber água retirada de açudes, sem o mínimo de tratamento básico. E conta ainda que o problema é insuportável, sendo a única opção a interdição da MA-280, prevista para essa próxima semana, para chamar a atenção do Governo do Maranhão.

O presidente em exercício da Câmara Municipal de Montes Altos, Edelson Martim Cantuária, o Naguim, assinala que desde o começo do ano os vereadores se mobilizam, inclusive solicitando medidas junto ao prefeito Valdivino Rocha Silva e a Secretaria de Estado das Cidades e Desenvolvimento Urbano (Secid), em São Luís.
“Os vereadores não estão inertes, pois diversas reivindicações foram solicitadas não somente à Prefeitura de Montes Altos, como também ao Governo do Maranhão, porém o que falta é a liberação dos recursos do convênio para conclusão dessa importante obra aos moradores dos povoados Novo Horizonte, Firmeza e Água Boa”, frisa.

O vereador Nilton Paixão Gomes (PDT), o Nil Gomes, diz que vê com preocupação esse problema da falta de água no assentamento Novo Horizonte, mas não descarta a esperança que o governo libere brevemente esse recurso do convênio para a implantação do sistema de distribuição de água. “Os técnicos da Secid vistoriaram a obra, sendo liberado apenas 5 porcento do convênio, e queremos sensibilizar nosso governador para que atenda esse clamor social dessas famílias que sofrem com a falta de água”, reitera.

O vereador-presidente Aldefran Barbosa Azevedo (PPS), que se encontra em São Luís, diz que tenta com apoio dos deputados estaduais viabilizar a liberação dos recursos e a retomada da obra que é de fundamental importância para os moradores da zona rural de Montes Altos. “O povo necessita de água, temos dois poços perfurados, mas faltam bombas e o sistema de distribuição”, concluiu.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários