Judiciário / Política

José Cardozo entra com ação no STF para tentar barrar impeachment

O advogado­-geral da União, José Eduardo Cardozo, vai conceder entrevista coletiva na tarde desta quinta­-feira (14) para apontar os principais argumentos que o governo apresentará ao Supremo.

Folha de São Paulo

15312279

A AGU (Advocacia­-geral da União) entrou com uma ação no STF (Supremo Tribunal Federal) pedindo a nulidade dos atos do processo de impeachment
contra a presidente Dilma Rousseff em curso na Câmara.

O advogado­-geral da União, José Eduardo Cardozo, vai conceder entrevista coletiva na tarde desta quinta­-feira (14) para apontar os principais argumentos que o governo apresentará ao Supremo.

Cardozo disse à Folha que essa ação trata do “vício do procedimento” do impeachment, alegando cerceamento de defesa e ampliação do objeto. Por isso, ele pedirá a anulação do processo.

Para o governo, discutiu­-se “fatos estranhos” ao processo, como a delação do senador Delcídio do Amaral (sem partido­MS) e a Operação Lava Jato que,
segundo a defesa, não poderiam ser tratados no pedido de impedimento tal qual ele foi apresentado.

Entre os auxiliares da presidente Dilma há quem tema uma resposta negativa do STF, o que poderia influenciar a votação no plenário da Câmara, marcada para domingo (17). Mesmo assim, o governo não descarta entrar com outras ações nos próximos dias no Supremo.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Um comentário em “José Cardozo entra com ação no STF para tentar barrar impeachment”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. JORGE ALMADA

    Cardoso continua a CONTESTAR TUDO junto ao STF. Suas Contestações são sem fundamentos jurídicos cabe aqui uma PERGUNTA: Será que Cardoso está interpretando corretamente os artigos leis DESCRITOS CONSTITUIÇÃO? ou SERÁ QUE O EXEMPLAR DA MAGNA CARTA de sua consulta está faltando páginas? Cardoso o leite já foi derramado não há mais nada a ser feito.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários