Judiciário

Três desembargadores optam pela suspensão e evitam prender prefeito e ex-deputado

Uma postura imediata no Maranhão levou toda a primeira Câmara Criminal, composta pelos desembargadores Raimundo Melo, Bayma Araújo e João Santana, optar pela suspensão de julgar os pedidos e medidas cautelares impetrados pelo Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas (Gaeco).

No despacho o magistrado João Santana diz “dou-me suspeito,por motivo de foro íntimo, nos termos do parágrafo único do artigo 135, do Cogido do Processo Civil”.

O Gaeco encaminhou à Justiça relatório apontando o nome do prefeito de Anajatuba, Hélder Aragão, dos secretários municipais, de empresários e até mesmo do ex-presidente da Assembleia, Carlos Braide, como integrantes de uma organização criminosa (ORCRIM).

A organização teria desviado mais de R$ 14 milhões dos cofres público de Anajatuba. As mesmas empresas acusadas de corrupção operavam em outras prefeituras, a exemplo de Trizidela do Vale, Cândido Mendes e Itapecuru.

É óbvio compreendo a participação dos citados acima no esquema, partindo do princípio das quebras de sigilos telefônicos que mostram o empresário Fabiano Bezerra relatando não ser dono do dinheiro, mas sim o prefeito Hélder Aragão (reveja).


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

9 comentários em “Três desembargadores optam pela suspensão e evitam prender prefeito e ex-deputado”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. Marta Barros

    O correto é optam, e não opitam, como foi publicado

  2. luiz

    Indicativo

    Presente Pretérito perfeito Pretérito imperfeito
    eu opto eu optei eu optava
    tu optas tu optaste tu optavas
    ele/ela opta ele/ela optou ele/ela optava
    nós optamos nós optámos / optamos nós optávamos
    vós optais vós optastes vós optáveis
    eles/elas optam eles/elas optaram eles/elas optavam

    Pret. mais-que-perfeito Futuro / Condicional /
    Futuro do presente Futuro do pretérito
    eu optara eu optarei eu optaria
    tu optaras tu optarás tu optarias
    ele/ela optara ele/ela optará ele/ela optaria
    nós optáramos nós optaremos nós optaríamos
    vós optáreis vós optareis vós optaríeis
    eles/elas optaram eles/elas optarão eles/elas optariam

    Conjuntivo Subjuntivo (Br)
    Presente Pretérito imperfeito Futuro
    que eu opte se eu optasse quando eu optar
    que tu optes se tu optasses quando tu optares
    que ele/ela opte se ele/ela optasse quando ele/ela optar
    que nós optemos se nós optássemos quando nós optarmos
    que vós opteis se vós optásseis quando vós optardes
    que eles/elas optem se eles/elas optassem quando eles/elas optarem

    Imperativo
    afirmativo negativo Infinitivo pessoal
    – – para optar eu
    opta tu não optes tu para optares tu
    opte ele/ela não opte ele/ela para optar ele/ela
    optemos nós não optemos nós para optarmos nós
    optai vós não opteis vós para optardes vós
    optem eles/elas não optem eles/elas para optarem eles/elas

  3. Augusto

    Enquanto esse prefeito tiver dinheiro todos se daram por impedido pois o povo é roubado e ainda pago pra proteger seus ladrões, isso é Brasil!!!

  4. Maria Fernanda

    A globo precisa cobrar novamente!!! A bandidagem está formada!!!

  5. Jose João Macedo

    É o terceiro Desembargador,que se dá por impedido.Porque será nhein?????????????????????????

  6. ricardo

    Não é SUSPENSÃO

    o termo correto é SUSPEIÇÃO.

    suspeição
    substantivo feminino
    1.
    dúvida, desconfiança, suspeita.
    “confiava sem qualquer s.”
    2.
    jur receio fundamentado, suscetível de se opor à imparcialidade de juiz, representante do ministério público, testemunha, perito etc., em razão de certas circunstâncias ou interesses intercorrentes que possam impedir ou privar qualquer deles da exação no exercício de suas funções.

  7. Bento Constantino

    Analfabeto, procura estudar!!!
    E ainda tem coragem de falar de “conteúdo inteligente”.
    Em vez de ficar insultando e agredindo todo mundo com sua inverdades, imbecil, volta pra escolar e tenta uma profissão de verdade já que blogueiro é ocupação de vagabundo.
    Canalha!!!!!

  8. leo

    MANDEM PARA A REDE DE JORNALISMO DA TV GLOBO.

  9. Isabela

    ESSES DESEMBARGADORES DEVERIAM FAZER JUSTIÇA, MAS SÃO INCOMPETENTES SUFICIENTES. NÃO MERECEM EXERCER ESSA FUNÇÃO.
    ENQUANTO ESSE BANDIDO, CUJO É PREFEITO DESSA CIDADE ESTÁ ROUBANDO MAIS, A POPULAÇÃO SOFRE AINDA MAIS. EITA, BRASIL!!!! ONDE O DINHEIRO FALA MAIS ALTO QUE A JUSTIÇA….

    DESEMBARCADORES VOCÊS NÃO MERECEM EXERCER ESSA FUNÇÃO!!!!!!!!

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários