Judiciário

Ex-prefeito de Davinópolis recebe condenação de dois anos de prisão

O ex-prefeito de Davinópolis, Juscelino de Sousa Vieira, foi condenado, em primeira instância, na 4ª Vara criminal de Imperatriz. A ação foi motivada por Denúncia da 4ª Promotoria de Justiça Criminal de Imperatriz. Juscelino de Sousa Vieira foi acusado de crime de responsabilidade e condenado a dois anos de prisão.

Apesar da decisão, o acusado não foi intimado da sentença por não ter sido localizado pela Justiça e só na semana passada, o Ministério Público tomou conhecimento da condenação. O caso, agora, é de responsabilidade da titular da 1ª Promotoria Especializada de Justiça Especializada de Imperatriz, Nahyma Ribeiro Abas.

O titular da 4ª Promotoria de Justiça Criminal de Imperatriz e responsável pela Denúncia, promotor Antônio Coelho, diz que a acusação do Ministério Público do Maranhão foi fundamentada em um parecer prévio do Tribunal de Contas do Estado (TCE). Segundo o relatório, o réu se apropriou de verbas e recursos públicos em proveito próprio, lesando o erário em R$32 mil.

A ilicitude praticada pelo acusado durante o exercício financeiro de 2001 está enumerada no Relatório de Informação Técnica do TCE, que consiste na ausência de comprovantes de despesas.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários