Educação

Educação de Cachoeira Grande está agonizando

Setores básicos do município de Cachoeira Grande, como a Educação, estão agonizando. É notório que o prefeito Francivaldo Vasconcelos Souza (PSD) tem abandonado completamente a população e esta clama por socorro.

A cidade virou um canteiro de obras paradas e sem previsão de retomar e concluir. Os repasses, que em grande parte foram feitos pelo Governo Federal, foram recebidos. No entanto, até o momento nenhum prédio foi entregue aos moradores. Um absurdo!

Um exemplo da falta de gerência do prefeito Francivaldo é a construção de uma creche, que está há anos em execução. Além disso, há uma Escola Municipal, localizada no Povoado Pindobal, que foi deteriorada com a ação do tempo e por falta de reparos, cuidados e desmoronou. Os alunos estão estudando em uma casa alugada, que foi transformada em “unidade escolar”.

Os moradores de Cachoeira Grande reclamam, ainda, dos salários atrasados dos servidores da Educação, falta de merenda escolar, transporte escolar, estruturas físicas dignas para que os alunos possam assistir às aulas com conforto, entre outros problemas.

O Blog já havia veiculado uma matéria sobre um ato público realizado pela população, no qual cobrava uma solução imediata para o setor da Educação do município. (Reveja)

Em razão desses problemas gravíssimos, a Justiça Federal bloqueou as contas do gestor municipal. (Confira)

A delicada situação de Cachoeira Grande requer mais atenção por parte dos órgãos fiscalizadores. Portanto, é necessário que o Ministério Público do Maranhão entre com uma ação de urgência.

CACHOEIRA 2

Creche não concluída e sem funcionamento.

CACHOEIRA 1

Escola Municipal do Povoado Pindobal, o mais próximo da sede, sem reforma, caiu, deteriorada pelo tempo, os alunos estudam numa casa alugada


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários