Educação

Construtora Cardoso faturou em 2014 R$ 6 milhões na Educação de São Luís

A empreiteira recebeu em um só dia R$2.338.958,78 milhões parcelados em 3 vezes.

Sede da Construtora Cardoso em Barra do Corda.

A Construtora Cardoso Ltda., tem faturado cifras milionárias da Secretaria Municipal de Educação (Semed). Somente em 2014, os cofres públicos já repassaram cerca de R$ 6.145.114,44 milhões para empresa.

Foram 14 repasses entre 1º de janeiro a 31 de dezembro. Os pagamentos foram realizados nas modalidades indenizatórios, que não passa pela Comissão de Licitação, complementares e os que foram aprovados em processos licitatórios.

De acordo com o relatório obtido pelo Blog do Neto Ferreira, a Construtora Cardoso recebeu no dia 14 de agosto cerca de R$233.182,88 mil divididos em três vezes.

Em novembro, o secretário municipal de Educação, Geraldo Castro, pagou, também, em um só dia R$2.338.958,78 milhões parcelados em 3 depósitos. Ainda de acordo com o documento, os pagamentos são referentes a serviços de engenharia, reforma e manutenção predial de escolas da rede municipal de São Luís.

Ao todo, a Semed efetuou 52 pagamentos para 11 empresas do ramo de construção, transporte e material escolar, em 2014, que no total deu R$ 14.436.044,11 milhões.

Cadastro da Construtora Cardoso na Receita Federal.

geraldo

Relatório de pagamentos da Semed

geraldo1

Relatório de pagamentos da Semed

geraldo2

Relatório de pagamentos da Semed

geraldo3

Relatório de pagamentos da Semed

geraldo4

Relatório de pagamentos da Semed

geraldo5

Relatório de pagamentos da Semed

geraldo6

Relatório de pagamentos da Semed


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Um comentário em “Construtora Cardoso faturou em 2014 R$ 6 milhões na Educação de São Luís”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. maria

    E essa construtora construiu o quê? porque que se sabe a Semed não mandou construir nenhuma escola e as que existem estão em estado crítico sem falar que não está pagando a empresa de vigilância, a merenda não também não está recebendo da Semed. CADÊ O MPF QUE NÃO ACIONA ESSE PREFEITO SOBRE O RECURSO DA EDUCAÇÃO.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários