Crime

Defensor público é vítima de saidinha bancária em São Luís

Segundo a polícia, os criminosos conseguiram levar cerca de R$ 12 mil da vítima

1460968367-565951317

Um defensor público foi vítima de uma saidinha bancária no início da tarde desta quarta-feira (3), em São Luís. Segundo informações policiais, o crime aconteceu nas proximidades do banco Bradesco Prime, na avenida Magalhães de Almeida, Centro da capital.

De acordo com o delegado Joviano Furtado do 1º DP, dois homens armados em uma moto abordaram o defensor, logo após ele sair da agência bancária, e levaram cerca de R$ 12 mil da vítima. O motorista do defensor, ao ver a ação dos assaltantes, avançou com o carro em direção à moto dos bandidos.

Um dos criminosos caiu da moto e foi detido, já o segundo assaltante conseguiu fugiu levando o dinheiro. “De longe eu notei que tinha um rapaz observando o doutor na agência. Na verdade tinha, ao todo, quatro bandidos: um observado do banco, dois na moto e um dentro de um carro. Quando eu saí do banco já foi com medo, nisso que deixei o defensor e fui buscar o carro rapidamente no estacionamento, foi a hora que aconteceu o assalto. Mas eu consegui agir jogando o carro pra cima da moto, sendo que eles ficaram machucados. No meio do caminho consegui pegar um deles com a ajuda da população. Mas o outro conseguiu fugir na moto, levando o dinheiro”, explicou o motorista da vítima.

O assaltante preso foi identificado como Leopoldo Gaudêncio de Morais, 23 anos. De acordo com o delegado Joviano Furtado, o assaltante veio da cidade de Fortaleza, no Ceará, apenas para praticar o assalto. Além dele, um segundo suspeito, identificado apenas como “Bolacha”, também foi detido.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários