Crime

Ex-prefeito Curió e esposa vão responder por lavagem e associação criminosa

IMG-20160624-WA0060

Ex-prefeito de Turilândia, Domingos Curió, e esposa, Ângela Maria, saindo da SSP após apresentação durante coletiva de imprensa. Créditos: Nelson Melo/Jornal Pequeno

O ex-prefeito de Turilândia, Domingos Sávio Fonseca Silva, o Domingos Curió, e a sua esposa, Ângela Maria Everton, que ocupou o cargo de secretária municipal na gestão do marido, deverão responder na Justiça pelos crimes de corrupção ativa, passiva, lavagem de dinheiro, peculato, associação criminosa, entre outros.

O casal foi apresentado durante entrevista coletiva realizada, na tarde desta sexta-feira (24), na sede da Secretaria de Segurança Pública, em São Luís, após ser preso nesta manhã por agentes da Superintendência Estadual de Prevenção e Combate à Corrupção (SECCOR), órgão ligado a Polícia Civil.

As prisões de Domingos Curió e Ângela Maria partiram de pedido do Ministério Público do Maranhão e da Polícia Civil, com base nas investigações realizadas pelo Grupo Especial de Combate às Organizações Criminosas (Gaeco) sobre o esquema de agiotagem envolvendo diversas prefeituras no estado.

Além da prisão temporária dos ex-gestores, a decisão da 1ª Vara da Comarca de Santa Helena também determinou a realização de operações de busca e apreensão em diversos endereços ligados a Domingos Curió, Ângela Everton e ao filho do casal, José Paulo Dantas Silva Neto, em Turilândia e São Luís.

Após apresentação, o casal foi encaminhado para o Complexo Penitenciário de Pedrinhas, onde ficará por 5 dias, caso a Justiça não reverta em prisão preventiva.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários