Crime

PF prende estelionatário no MA

As investigações identificaram que o estelionatário não só não dava entrada no benefício e ficava com o dinheiro das vítimas, como sequer existiam os tais servidores do INSS.

PF

A Polícia Federal cumpriu, na manhã desta quinta-feira (17), mandado de prisão preventiva contra um estelionatário atuante nesta capital. O homem enganava as vítimas afirmando que, em troca de dinheiro, conseguiria facilmente aposentar pessoas por conhecer servidores de dentro do INSS.

As investigações identificaram que o estelionatário não só não dava entrada no benefício e ficava com o dinheiro das vítimas, como sequer existiam os tais servidores do INSS. Cerca de dez pessoas foram enganadas.

O preso já respondia a uma ação penal pelos mesmos fatos perante a Justiça Federal, a Inquérito Policial na Delegacia de Defraudações da Polícia Civil, e havia sido preso pela Polícia Federal em 2011. Atualmente, respondia em liberdade ao processo.

Na investigação em curso o homem foi indiciado pelos crimes de estelionato e tráfico de influência, que é quando o criminoso exige vantagem a pretexto de influir em ato praticado por funcionário público no exercício da função (art. 171 e art. 332 do Código Penal). As penas podem chegar a dez anos de reclusão.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários