Cidade

Equipe da TV Difusora sofre agressão em Bacabal

o secretário aplicou um soco na câmera, que acabou caindo e partindo-se em dois pedaços.

Imirante.Com

Em Bacabal, uma equipe de televisão foi agredida na noite desse sábado (18). A informação foi repassada, na manhã deste domingo (19), pela diretora de Jornalismo da TV Difusora, Janaína Soares, no programa Domingo Mirante da rádio Mirante AM. Segundo ela, a equipe estava registrando a inauguração de uma praça na cidade, quando o secretário municipal de obras começou a agredir o cinegrafista da emissora, identificado como Romário Alves.

“A gente está vivendo, em Bacabal, um verdadeiro terrorismo”, afirmou Janaína. Ainda de acordo com ela, o secretário aplicou um soco na câmera, que acabou caindo e partindo-se em dois pedaços. Ela afirma que o equipamento foi furtado. O boletim de ocorrência foi registrado nesta manhã.

Outro diretor da emissora, James Borges, afirma que foi ameaçado de morte. “Infelizmente, nós estávamos sendo massacrados ontem à noite”, disse.

Os diretores afirmam que buscarão o apoio de órgãos de defesa da liberdade de imprensa, como o Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado do Maranhão e Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj).


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Um comentário em “Equipe da TV Difusora sofre agressão em Bacabal”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. Márcio Ramos

    É INADMISSÍVEL QUE EM PLENO ESTADO DEMOCRÁTICO AUTORIDADES MUNICIPAIS USÃO DE FORÇAR POLICIAL PARA IMPEDIR QUE A IMPRENSA FAÇA SEU TRABALHO E O PAPEL SOCIAL DE INFORMAR A POPULAÇÃO, NO QUE SE REFERE AOS ATOS PÚBLICOS. FATO ESSE OCORRIDO É SEMELHANTE A ATITUDES DE ANARQUISTAS QUE IMPEDEM O DIREITO A LIBERDADE DE IMPRENSA.

    Márcio Ramos, estudante de Ciências Humanas – UFMA de Bacabal.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários