Cidade

Sindicatos não chegam a consenso e greve de rodoviários chega ao quinto dia consecutivo

Paralização afeta mais de 50% da população.

Do G1, Maranhão

Após mais de três horas de reunião, ainda não foi desta vez que os sindicatos das Empresas de Transportes de São Luís (SET) e dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários do Maranhão (STTREMA) chegaram a um consenso quanto ao final da greve dos rodoviários, iniciada há quatro dias.

Desde as 15h os presidentes Dorival Silva (Rodoviários), Luís Cláudio Siqueira (SET), da OAB-MA, Mário Maceira, e vereadores estiveram reunidos na sede Ordem, buscando alternativas para o impasse. Todos foram unânimes em afirmar que a proposta foi positiva por retomar o diálogo entre as duas partes, mas nenhuma nova proposta foi apresentada pelo sindicato patronal. “A reunião em si foi proveitosa, mas infelizmente não temos nenhum novo dado para levar para discussão à categoria”, disse o representante dos rodoviários.

Na pauta de reivindicações, o STTREMA pede um reajuste salarial de 7% para a categoria, inclusão de mais um dependente nos planos de saúde e aumento no valor do ticket alimentação de R$ 341 para R$ 450.

Nova reunião
Sem acordo definido, as duas partes agendaram uma nova reunião para esta sexta-feira (25), mas sem horário ainda definido. Eles ainda dependem de uma resposta do procurador-geral do município de São Luís, Francisco de Assis Souza Coelho Filho, para que possam estabelecer hora e local do encontro.

“Esta reunião será convocada porque os representantes das empresas afirmaram que só poderão cumprir as reivindicações se houver um equilíbrio financeiro e isso, só a prefeitura poderá informar como pode acontecer”, acrescentou Dorival Silva.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários